terça-feira, 24 de janeiro de 2012

As Crônicas dos Kane - A Pirâmide Vermelha




Livro: A Pirâmide Vermelha
Editora: Intrínseca
Autor: RICK RIORDAN
ISBN: 9788598078977
Número de páginas: 448

Sinopse:
Em A Pirâmide Vermelha, os irmãos Carter e Sadie Kane vivem separados desde a morte da mãe. Sadie é criada em Londres pelos avôs e Carter viaja o mundo como o pai, o Dr.Julius Kane, um famoso egiptologista. Levados pelo pai ao Bristish Museum, os irmãos descobrem que os deuses do Egito estão despertando. Para piorar, Set, o deus mais cruel, tem vigiado os Kane. A fim de detê-lo, os irmãos embarcam em uma perigosa jornada em busca que revelará a verdade sobre sua família e sua ligação com uma ordem secreta do tempo dos faraós.

Se você está lendo está resenha despreparado e sem noções sobre magia, tome cuidado, os deuses egípcios estão entre nós. Tá, esquisito não é? Mas é assim que Rick Riordan nos arremessa nas entranhas da aventura dos irmãos Kane. Começo dizendo que o livro é um prato cheio para quem gosta de aventura e ação. A narrativa é dada pelos próprios personagens que se revezam geralmente a cada dois capítulos, e isso acabada dando duas visões ou narrativas diferentes às coisas, pois apesar de irmãos Carter e Sadie. As diferenças entre eles começam pelas aparências e continuam além das personalidades.
A historia é bastante movimentada. Conseguindo ser ainda mais rápida que O ladrão de raios, e na minha opinião mais empolgante e envolvente. Trazendo uma mitologia nova e desconhecida da maioria, a egípcia, Riordan a moderniza e faz brincadeiras como as encontradas na saga Percy Jackson e os Olimpianos. No entanto deixa claro para quem puder captar, que as duas mitologias e personagens pertencem a uma mesma realidade.
Os personagens são bem estruturados apesar da agilidade e entra e sai de cena. Carter e Sadie evoluem muito durante a jornada, e é legal ver a relação entre eles evoluir de quase desconhecidos para irmãos inseparáveis. Os coadjuvantes não ficam para trás no quesito carisma, especialmente dois elementos importantíssimos, Khufu o babuíno loiro de manias excêntricas, e Muffin a gata de Sadie que guarda alguns segredinhos consigo.
Não preciso dizer que o livro me ganhou por todos seus detalhes, mesmo eu não sendo fã de aventuras protagonizadas por crianças, que na minha concepção torna ainda mais irreal as coisas. Se pedem que aponte algum defeito para não dizer que é perfeito eu te apresento dois: A coexistência entre panteões tão divergentes e a não interferência na catástrofes alheia. Você pode dizer: “Mas Ace isso não é bem um defeito.” Pode não ser, mas me incomoda. Pois a não ser que um pacto divino diga que cada panteão tenha que cuidar de seus problemas, é muito estranho os heróis não se apresentarem quando o mundo corre perigo.
Como antes, não irei deixar que julguem o livro pela minha opinião (apesar de tê-la deixado clara), espero que o leiam e consigam vocês mesmo as suas. Mas que eu achei melhor que Percy Jackson isso eu achei =X. Vejo vocês por aí se não for massacrado nos comentários, bye!

Ace Barros

9 comentários:

  1. Oii.. gostei da resenha!
    Bom.. eu li o primeiro volume da série Percy Jackson e gosteii, então acho provavel q vá gostar desse tbm!! =D
    Dica Anotada.. kkk'

    Beijoo..
    Gabii
    meumundo-aqui.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Aii eu adoro essa série! Na verdade eu adoro o Rick *-*
    As Crônicas dos Kane é realmente muito bom, já estou impaciente esperando pelo terceiro livro! Mas ainda prefiro Percy ;D
    O que eu gosto mais nessa série do que em PJ são as referências moderninhas, tipo a cantores que estão na moda, redes sociais... No segundo tem bem mais do que o primeiro!
    Adorei a resenha, seguindo ^^

    Beijitos
    http://www.bookpetit.com/

    ResponderExcluir
  3. PEGA ELEEEE!!!!

    Que nada!
    A resenha ficou muito boa!
    Não somos obrigados a achar todo livro 100%
    Quem sabe, quando eu ler eu me incomode com alguma outra coisa que vc não achou tão ruim assim....

    Opiniões são várias!
    Mas o que absorvemos de cada leitura é só nosso!

    Beijokas!
    @AnnyPlata - Estranha Estante

    ResponderExcluir
  4. Já viu a promoção que ta rolando solta no blog O Leitor?
    Ainda não?
    Então corre, que até o dia 05 de Fevereiro você ainda pode concorrer a um dos 6 livros que estão sendo sorteados.
    Beijos e espero você lá,

    Pamela.

    ResponderExcluir
  5. Adoro livros que tenham uma relação com o Egito, bom se você disse que é melhor do que Percy Jackson vou ler e ver se é isto mesmo.

    Adorei a resenha.

    Beijos,
    http://paraisodemenina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi, como vai? Passando para avisar que lá no blog, ta rolando promoção, participa, esse é o link http://www.diariovirtualdaane.blogspot.com/2012/01/promocao-sorteio-entre-as-150.html .


    Beijos
    Ane
    http://www.diariovirtualdaane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Sou apaixonada pela história antiga do Egito, comprei esse livro mais ainda não li =/
    Parabéns pela resenha =)

    Muito legal seu blog =)
    já estou seguindo viu!!!

    Seja bem vinda ao meu e não deixe de participar das duas promoções =)

    http://leiturasvidaepaixoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Ahhh esse livro é bom demaais!
    Eu amei quando li. O Riordan arrasa quando se trata de mitologia. Concordo que é melhor que Percy Jackson! Espero poder ler O Trono de Fogo logo.
    Adorei a resenha!
    Bjos

    Tati
    http://coracaoliterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. estou doida para ler, deixa só acabar percy que irei correndo para ele.
    adorei a indicação e a resenha.
    beijos

    http://coisasqueachofofas.blogspot.com/

    ResponderExcluir