terça-feira, 19 de junho de 2012

Resenha #25: Viva para contar



Título: Viva para contar
Editora: Novo Conceito
Autor: Lisa Gardner
Número de páginas: 479 páginas

Três mulheres diferentes, mas ao mesmo tempo tão parecidas: Danielle, D.D.Warren e Victória são as três personagens principais de Viva para contar, um romance policial de tirar o fôlego!
Danielle é uma sobrevivente. Seu pai matou toda a sua família, mas poupou-lhe a vida, o que para ela é uma benção e uma maldição ao mesmo tempo. Carregando a culpa de ser a única sobrevivente e sem entender ao certo o motivo de ter sido poupada, Danielle é uma mulher solitária, que trabalha como enfermeira em uma ala psiquiátrica infantil.
A detetive D.D.Warren é investigadora no departamento de Boston. Solteira por opção (embora não descarte a oportunidade de viver uma paixão) e totalmente dedicada ao trabalho, D.D. costuma dizer que não é capaz de criar uma planta ou peixes de aquário sem que eles morram por falta de cuidados.
Victória é uma mulher forte e uma mãe extremamente dedicada. Seu amor pela família é algo notável e, mesmo com um perigo iminente em sua casa, com todas as agressões e correndo risco de vida, ela continua a se dedicar àquilo que tanto ama!
Em meio a essas três histórias, um assassinato acontece: uma família é exterminada. A detetive D.D.Warren é designada para o caso e é a partir daí que as histórias começam a se cruzar. Tendo como principal suspeito o chefe da família, as coisas passam a mudar quando na autópsia todas as evidências apontam o contrário. Em meio às investigações, mais um crime acontece nos moldes do primeiro. Um assassino está à solta e o denominador comum entre esses dois crimes é a ala psiquiátrica infantil.
Com um clima de mistério e uma história intensa, Viva para contar é um livro que me prendeu do início ao fim. Lisa Gardner soube desenvolver, de uma maneira brilhante, uma história policial com desfecho sensacional! Os personagens são cativantes, em especial a detetive D.D. Warren. Ácida e durona, ela conquista por sua inteligência, pensamento rápido e suas respostas prontas sempre na medida certa.
Viva para contar é um thriller com uma abordagem interessante e intensa. Cada vez mais constante os relatos de violência no lar, o livro vem nos mostrar, de uma maneira mais densa, os segredos mais obscuros que se encontram por trás de cada laço familiar.
É, sem dúvidas, uma excelente pedida para os fãs dos romances policiais. 


9 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Neyla! Estou ansiosa para ler Viva para Contar! beijos!

    ResponderExcluir
  2. A história desse livro me lembra um pouco a de O Hipnotista (que eu odiei) e eu ainda estou meio com o pé atrás. Além de que eu tenho um pouquinho de preconceito com mulheres escrevendo thriller, sempre fica aquele medinho delas não conseguirem atingir as minhas expectativas.
    Mas eu quero ler Viva para contar de qualquer forma, sou teimosa e numa dessas talvez eu acabe gostando ne?

    taiyounorakuen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha Neyla! E eu adorei o contexto do livro, gosto de romances policiais...Pretendo ler! Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Essa sem dúvida uma das minhas próximas leituras! Esse livro parece ser ótimo e todo mundo tem falado bem, só estou dando uma pausa no policial agora, mas sem dúvida quando eu voltar vai ser para esse livro. Adorei a resenha.

    beijos, Lu
    Lendo ao Luar

    ResponderExcluir
  5. Oi Neyla!
    Romances policiais não são meus preferidos, mas leio algum de vez em quando, então estou anotando a dica aqui para quando pintar a vontade.
    Sua resenha ficou ótima e me deu curiosidade!
    Beijos... Elis Culceag. www.arquivopassional.com

    ResponderExcluir
  6. Gosto muito desse gênero apesar de não ler com freqüência.
    Sua resenha me deixou bem curiosa e com vontade de ler o livro.
    *bye*

    Louca por Romances

    ResponderExcluir
  7. Que lindo flor

    Adorei!

    beijinhos
    Moda e eu

    ResponderExcluir
  8. Oi Neyla!
    Eba! Eu sou fã de romance policial..Adoro mistérios e esse que envolve mulheres então rs..Preciso antecipar minha leituras, que estão mega atrasadas..Esse livro é bem grossinho ein rs..

    Beijos :D

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bom?
    Maravilhosa essa sua resenha Parabéns.
    Fiquei com uma vontade agora de ler esse livro, rs

    Poliana Araújo
    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    Passa lá no blog?
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir