segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Resenha: Um lugar para ficar










Título: Um lugar para ficar
Editora: Novo Conceito
Autor (a): Deb Caletti
Número de páginas: 271 páginas






Sinopse: O relacionamento de Clara com Christian é intenso desde o começo e diferente de tudo o que ela já havia experimentado. No entanto, o que começa como um grande afeto rapidamente se transforma em obsessão, e já é muito tarde quando Clara percebe que as coisas foram longe demais e que Christian está disposto a fazer de tudo para ficar ao seu lado. Então, Clara parte da cidade e Christian fica para trás. Ninguém sabe onde ela está, mas, mesmo assim, Clara ainda luta para se livrar do medo. Ela sabe que Christian não vai permitir que ela suma tão facilmente. Não importa para onde ela vá, nunca será longe o bastante...


Uma história forte, com tema atual e personagens que cativam. É assim que eu definiria Um lugar para ficar, livro que se tornou um dos meus queridinhos de 2012.
Clara conheceu Christian num jogo de basquete, na escola. Assim que o olhou, sentiu que era amor à primeira vista. Clara havia terminado, a pouco tempo, um namoro e encontrou em Christian tudo aquilo que sempre buscou. Bonito, educado e um tanto misterioso, foi impossível não se deixar envolver. Além do mais, ele sempre foi bastante carinhoso e não media esforços para mostrar o quanto a amava. O namoro floresceu e eles foram se entrosando cada vez mais. Até que Christian passou a mostrar um lado que ela não conhecia: o do ciúme.
Mais do que ciúme, Christian via o que não existia e passou a se tornar cada vez mais perigoso. Além de impedir a namorada de fazer algumas coisas, ainda a acusava injustamente de estar traindo-o. Não aceitando o fim do namoro, Clara vê-se obrigada a fugir do ex-namorado, indo com seu pai, um excêntrico escritor bestseller, para um lugar diferente onde possa reconstruir sua vida.
Apesar de o livro ter como foco principal o relacionamento dos dois jovens, outros personagens também têm o seu devido destaque. É o caso de Bobby Oates, pai de Clara, e de Anabelle Aurora, velha amiga e ex-professora de Bobby na faculdade. O laço que os une, o relacionamento de amor e cumplicidade que há entre ambos é uma das coisas que mais me agradaram no livro. Sem contar o clima de segredo que paira entre ambos, que torna a leitura ainda mais gostosa.
Narrado em primeira pessoa, os capítulos são intercalados entre passado e presente, o que torna a leitura muito mais agradável. Através das páginas, vamos conhecendo um pouco mais do relacionamento de Clara e Christian e do comportamento possessivo do mesmo. Gostei bastante da forma como a autora expôs um problema tão comum nos dias de hoje e o livro me tocou bastante.
Confesso a vocês que o tema ciúmes muito me interessou, afinal eu sou ciumenta e conheço pessoas que são extremamente ciumentas, tendo comportamentos muito parecidos com os de Christian. Não é fácil lidar com isso, a pessoa vê o que quer ver e muitas vezes acaba por provocar situações desagradáveis com seu (sua) companheiro (a). A história mostra bem isso, o que tornou a leitura ainda mais realista.
Delicado e muito sensível, Um lugar para ficar é um daqueles livros que, assim que tiver um tempinho, irei reler com todo prazer!

9 comentários:

  1. Oie, Neyla =)
    Só tenho lido coisas boas a respeito desse livro e com a tua resenha me fez ter mais vontade de esta lendo logo, pena que não ganhei um dos tantos sorteios que participei rs
    Own, que dizer que vc mocinha é ciumenta? rsrs
    Boraaa controlar isso :P
    se bem que sei que é fácil falar que agir rsr
    beliscões

    ResponderExcluir
  2. Hmm, deu vontade de ler, claro. Ainda mais por não parecer uma história 'sem sal' de romance, rs, adoro quando a história fica forte por algum motivo, passa mais realismo e emoção pra quem está lendo :)

    Parabéns Neyla, mais uma resenha que me deixa com vontade, rs

    ResponderExcluir
  3. Ooooi, Neyla!

    Eu ainda nem tinha lido a sinopse desse livro, se não fosse sua resenha, ele ia ficar na estante por muito tempo rs
    Não imaginava que o assunto tratado seria ciúme, gosto de tema também, principalmente quando é abordado os problemas que esse sentimento acarreta.

    Beijinhos ;*
    Tati

    ResponderExcluir
  4. Oi sua linda!!

    Resenhão esse heim!!!!
    Amei. Realmente é uma história forte e real, ou não, mas enfim poderia acontecer com qualquer um.

    O livro é muito bom, mas sua resenha ficou ótima!!!
    Parabéns

    Bjkas

    Alessandra Tapias

    ResponderExcluir
  5. eu ianda nao li o mesmo, já vi algumas pessoas falando que ele é bom e tals.
    e outras falando que ele e ruim
    auhashushau ai fico na duvida as vezes, apesar de saber que eu que tenho que ler, mas vou deixar ele pra um futuro distante.

    ResponderExcluir
  6. Oi Neyla!
    O tema desse livro não me interessou, mas se ele é bem escrito e envolvente, com certeza irá agradar a muitas pessoas, ainda bem que você curtiu bastante, a resenha ficou ótima.
    Beijos... Elis Culceag.
    www.arquivopassional.com

    ResponderExcluir
  7. Ola Neyla!! gostei muito da sua resenha , ja vi muitas resenhas positivas do livro e me interessei pela historia que eu achei bem diferente dos livros de hoje em dia , estou super ansiosa pra ler ele e gostei muito desse toque de misterio do livro!! Bjos.

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    Sua resenha me deixou, ainda mais curiosa e com mais vontade de ler esse livro.
    *bye*

    Louca por Romances

    ResponderExcluir
  9. No começo eu queria muito esse livro, mas depois de ler muitas resenhas sobre ele perdi um pouco a vontade porque a maioria dizia que o livro foi apenas razoável, a sua foi uma das poucas que realmente elogiou ele. De qualquer modo eu não vou deixar de lê-,mesmo que eu apenas pegue ele emprestado de alguém, até porque essa trama envolvendo ciúmes e obssessão me chama muito a atenção.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir