segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Resenha - Cuco





Título: Cuco
Editora: Novo Conceito
Autor (a): Julia Crouch
Número de páginas: 461 páginas

Sinopse: Polly é a mais antiga amiga de Rose. Então quando ela liga para dar a notícia que seu marido morreu, Rose não pensa duas vezes ao convidá-la para ficar em sua casa. Ela faria qualquer coisa pela amiga; sempre foi assim. Polly sempre foi singular — uma das qualidades que Rose mais admirava nela — e desde o momento em que ela e seus dois filhos chegaram na porta de Rose, fica óbvio que ela não é uma típica viúva. Mas quanto mais Polly fica na casa, mais Rose pensa o quanto a conhece. Ela não consegue parar de pensar, também, se sua presença tem algo a ver com o fato de Rose estar perdendo o controle de sua família e sua casa. Enquanto o mundo de Rose é meticulosamente destruído, uma coisa fica clara: tirar Polly da casa está cada vez mais difícil.

Não é segredo para ninguém que acompanha o blog o quanto me agrada histórias com uma pitada de suspense. Quando Cuco chegou em minhas mãos fiquei bem ansiosa já que, pela sinopse, o livro já havia me encantado e tinha tudo para ser uma ótima leitura. E realmente foi. Com um enredo bem estruturado e personagens marcantes, a história me prendeu desde o início e não conseguia parar de ler.
Rose e Polly se conheceram, ainda muito pequenas, na escola e tornaram-se melhores amigas uma da outra. Rose tinha uma relacionamento familiar conturbado e encontrou em Polly todo o apoio e carinho que precisava para superar seus problemas e recomeçar.
Quando recebe um telefonema da amiga, dizendo que seu marido morreu, Rose não exita em convidar Polly para passar uma temporada em sua casa. Rose é casada com Gareth e tem duas filhas. Ela é uma mãe, esposa e dona de casa dedicada. Apesar de todos os problemas familiares do passado, ela conseguiu formar  um ambiente familiar harmonioso e se orgulha disso. Para Rose, a família é muito importante e isso fica explícito a cada virada de página. É admirável o cuidado e devoção de Rose para com seu marido e suas filhas. E seu sentimento de gratidão com a amiga é ainda maior.
Polly é uma ex-cantora, um tanto depressiva e que produz nas pessoas um certo encantamento. Eu juro que fiquei imaginando que encanto poderia ser esse, mas tudo que me vinha a cabeça, por conta das descrições da autora,  era a imagem de uma mulher anoréxica e acabada pelas bebidas. Viúva, mãe de dois filhos e com planos de retomar à carreira de cantora, Polly se instala na casa de Rose. Esta, por sua vez, acredita que está fazendo o melhor por Polly e que em breve a amiga se recuperaria da perda do marido. Ela só não imaginava que coisas muito piores estariam por acontecer.
A história, narrada por Rose, tem um ritmo muito bom e a história flui de forma surpreendente. Gostei bastante da trama e me envolvi por completo na história. Rose foi uma daquelas personagens por quem nutri um sentimento de amor e ódio. Eu torci por ela, briguei com ela, xinguei, quis dar "dois tapas na cara" pra ver se acordava. Sério, tinha horas em que fechava o livro para o acesso de raiva passar.
E isso foi uma das coisas que mas me fez gostar do livro: a forma como me envolvi com a história. Gosto de me sentir dentro da trama, de me envolver com o personagem. E Julia Crouch conseguiu me fazer sentir tudo isso. A forma como detalhava as cenas, a maneira como mostrava todos os sentimentos envolvidos, os segredos, tudo isso me encantou. Uma riqueza de detalhes sem tornar-se chato. Só por isso minha avaliação já foi boa.
Apesar de tudo, o final não foi dos meus preferidos. Eu esperava mais. Depois de tanto suspense, eu queria mais, precisava de mais. E fiquei um pouco decepcionada. Mas nada que apague o brilho do livro.
Sem dúvidas, recomendo!


17 comentários:

  1. Realmente parece ser um livro gosto de se ler, eu ainda não tive a oportunidade de estar lendo Cuco, mas assim que surgir estarei lendo sim!!

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oie,
    acredita que não conhecia o livro??~
    Gostei da resenha, mas acho que não lerei o livro, sem contar que não gostie da capa rsrsrs

    bjo

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu quero ler esse livro e já sei q tb vou querer dar uns tapas na cara dela... mais q dois. rs

    ResponderExcluir
  4. Que pena flor que você esperava mais, espero que a próxima leitura seja melhor. Eu fiquei curiosa para ler só pelos momentos de raiva...sahushuas...amo entrar na história também...beijokas elis

    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. No início eu não ligava muito pra esse livro, eu olhava pro nome dele e pensava: "mas que diabos de nome é esse?" mas com o grande número de resenhas sobre ele arisquei e li algumas, e me surpreendi de saber que ele era um suspense, não esperava isso dele, agora estou ansioso para conferi-lo pois eu adoro suspenses
    Abraços.

    Eu deixei um meme para você no meu blog, se quiser conferir:
    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com.br/2012/11/memes-e-selinhos-que-eu-recebi-3.html

    ResponderExcluir
  6. UAU! Parece ser um livro muito bom!
    Apesar de suspense não ser um dos meus gêneros literários favoritos.. me interessei muito por 'Cuco'. Também gosto muito quando o leitor sente-se envolvido com a história, e foi isso que me chamou mais atenção.
    Vou colocar na minha listinha de desejados.. é claro!
    Adorei a resenha! Parabéns!

    Bjs :*

    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. A mi gaaaa!!!

    Ganhei esse livro na promo "Primavera literária" Lembra?
    Ainda não chegou, mas quando chegar vou devorar o bixinho!!!!

    Ainda bem que vc ja avisou que o final não é tudo aquilo, pois assim não vou com tanta sede ao pode e não me decepciono...
    Dá uma raiva quando eu leio maravilhas sobre uma obra e quando vou ler, não tem nada a verrrr....

    Garotas de Vidro eu tive vontade de jogar pela janela!!!!
    Todo mundo dizendo que o livro é super forte, que chega a dar um desespero em certos pontos...
    Não achei nada disso...
    Achei o livro fraco e confuso!
    Deviam tratar de disturbios mentais naquela história e não alimentares...

    Beeem... Mas seja o que Deus quiser!
    Vou aguardar anciosa pelo meu livrão! rsrsrs

    Aaah... E eu não esqueci do seu não tá!?
    Só não encontrei ele no meio das caixas que estão no sótão...
    Odeio reformas eternas! *suspira*
    Mas vou aproveitar o feriadão do dia 15 e vou lá revirar minhas coisithias! ^^

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  8. Ola!! Adorei a sua resenha!! Gosto muito livros que tem uma pitada de suspense, livros assim fazem nos envolver na historia e acho que Cuco com certeza vai me fazer entrar na historia e torcer pelos personagens!Estou muito curiosa pra ler!! Bjos.

    ResponderExcluir
  9. Olá garotinha rsrsr
    Sinceramente não senti sitônia pelo livro, nem quando o vi pela primeira vez nem agora apesar da tua resenha te ficado ótimas, mas é que não sou muito de suspense, bem até leio mais já tenho os autores que gosto rsrs
    beliscões

    ResponderExcluir
  10. Confesso que não li a resenha toda, pulei umas partes com medo de spoiler rsrsrs mas adorei as partes que eu li.
    Estou querendo muito ler esse livro, fiquei muito curiosa com essa trama, tipo (a mão que balança o berço)

    Beijinhos
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  11. Para ser sincera não estava tão interessada por esse livro, mas depois de ler algumas resenhas, fiquei curiosa e com vontade de ler.
    *bye*

    Louca por Romances

    ResponderExcluir
  12. Oi Neyla! Olhando a capa eu não sei se me arriscaria, mas sua resenha mostra que temos uma ótima trama, se é bem detalhado eu já amei, pois adoro pormenores, principalmente quando falamos de suspense. Adorei a resenha.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  13. recomendo a todos comecei a ler é muito interecente
    ame amei

    ResponderExcluir
  14. Bom dia Neyla,

    Esse livro esta na minha lista de espera, não sei o que esperar dele...parabéns pela resenha...tem post novo no blog...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
  15. bem falando em resenha voçê arrasa no assunto. continue assim!!!!
    sou Francisco Isaac dono do blog violinoagudo espero sua presença ficarei muito honrado com seu comentário ou critica ou elogio.

    peço a você que passasse ao meu blog e ficarei mais honrado ainda se você me seguisse espero sua presença.


    E-mail : violinoagudo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei muito dessa resenha, addorei o site, muito boom hein. Paarabens!

      Excluir
  16. Sinceramente, não vou com a cara dessa capa kkkkkk, mas gostei da frase > Seu primeiro erro foi convida-la a entrar, me deixou curiosa.
    Bem... não tenho hábito de ler suspenses, não porque que não gosto, é que sempre estou envolvida com coleções, mas gostei da resenha, fiquei curiosa sobre vários pontos, vou por na minha lista, mas acho que vai demorar até que eu leia.

    ResponderExcluir