quinta-feira, 7 de março de 2013

Um Toque Masculino: 5º Cavaleiro

Clube das Mulheres Contra o Crime: 5º Cavaleiro


"Um assassino brinca de Deus Quando a tenente Lindsay Boxer fica sabendo que 20 pacientes prestes a receber alta morreram de forma suspeita no conceituado Hospital Municipal de São Francisco, ela desconfia de que há algo errado. Será mera coincidência? Ou alguém anda tirando a vida de inocentes? O maior julgamento de São Francisco Inconformados, os familiares das vítimas resolvem processar o hospital por negligência médica. Enquanto a cidade se prepara para um dos mais aguardados julgamentos de sua história, Lindsay e suas amigas do Clube das Mulheres contra o Crime têm um motivo pessoal para investigar o caso. Não há tempo a perder A nova integrante do grupo, Yuki Castellano, teme que sua mãe, internada na UTI do centro médico, não saia de lá com vida. Numa corrida contra o tempo, Lindsay e Yuki percebem que não são bem-vindas pela diretoria do hospital, que pode estar tentando salvar sua própria reputação." 

O clube das Mulheres Contra o Crime está de volta em mais um romance e não faz feio novamente, fazem o que precisam fazer sem descer do salto alto.
O livro 5º Cavaleiro é uma continuação direta e segue exatamente a mesma linha do seu antecessor,  4 de Julho, sendo também um romance policial com um toque de drama. Essa resenha parece repetida para você? Bem, é porque em partes ela é, pois o livro bebe da mesma fonte que deu certo no livro anterior. Existem três pontos chave durante a trama: A promoção de Lindsey Boxer, os misteriosos assassinatos de mulheres em roupas de luxo, o drama de Yuki Castellano e as mortes no hospital. Cada um dos ganchos acrescentam a trama um elemento e uma sensação diferente ao enredo. Com a mesma narrativa ágil, James Patterson nos faz imergir e interagir com os fatos de uma maneira bacana, captamos cada sentimento envolvido na trama embora não seja algo profundo. Mas é aí que moram as mudanças.
Dessa vez não estava sendo pego de surpresa, já conhecia os personagem por ter lido 4 de Julho e com isso o aproveitamento é melhor. Esse é o quinto romance da série do Clube das Mulheres contra o Crime, e alguns acontecimentos de livros anteriores são citados, como acontece no livro anterior. É possível sim lê-lo isoladamente pois uma trama independe da outra, mas o sabor de aproveitar os menores detalhes é bem maior.
Este livro da mais visibilidade para os outros membros do Clube das Mulheres Contra o Crime, a participação delas é mais ativa e a advogada Yuki Castellano chega a dominar boa parte do livro, mas o foco ainda é na Tenente Boxer já que ela é o braço da lei, e que se envolve mais diretamente com o crime.
A narração é feita em primeira pessoa alternando sempre entre Yuki e Lindsey, mudando para terceira pessoa apenas nos capítulos que contam informações relacionadas diretamente aos crimes, como as mortes no hospital. Os dois casos são balanceados, um acaba sendo melhor que o outro por conta de suas resoluções, alguns detalhes são ocultados, mas não chega a prejudicar a leitura.
O livro pode ser lido em um único dia tranquilamente e tenho certeza(Novamente) que quando começado será difícil deixar de ler sem finalizar. Dessa vez eu me satisfiz ao conhecer melhor essas mulheres fortes que não ficam devendo a nenhum detetive/agente do sexo masculino e provam que a união faz a força.

Ace Barros

9 comentários:

  1. Essa resenha não poderia ter saído em dia melhor, né? Hahaha
    Beijos
    Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não foi planejado. Tem coisas que tem que acontecer no momento exato.

      Excluir
  2. Olá Ace e Neyla!

    Ainda não li nenhum livro deste autor, mas sempre leio tantas resenhas positivas que fiquei curiosa.
    Ótima resenha!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ola Ace, tudo bem?
    Ainda não li nada do Patterson, mas já estou começando a ficar ansiosa. Tenho O dia da caça, mas tenho muita vontade de ter a série Mulheres contra o crime. Ótima resenha.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
  4. Oie,
    não li nenhum livro desse autor, mas gostei da sua resenha, apesar de não ser o meu estilo de leitura.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  5. Nunca tive a oportunidade de ler um livro do autor, tudo o que sei de suas obras é o que leio nas resenhas por ai, mas depois de ler Viva Para Contar (que não é dele, mas é um romance policial) eu acho que poderia me aventurar por essas histórias sem problema algum. - Felipe (A Hora do Livro)

    ResponderExcluir
  6. Bom dia,

    Esse livro esta na minha lista de desejados e quero muito lê-lo...parabéns pela sua resenha....abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi
    Eu gosto dos livros do James Patterson e esse está na minha lista!
    Acho bem legal a forma como ele desenvolve as tramas ;)
    Parabéns pela resenha

    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nada do James Patterson, mas só leio comentários positivos sobre essa série, então acredito que irei gostar da trama.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir