segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Inverno de Cinzas


No segundo livro da série “Foi Assim que te Amei”, INVERNO DE CINZAS, Helen depara-se com o momento mais crítico da sua vida. Nada diferente do forte Inverno que está sobre o país naquele ano. Tristeza, solidão, ressentimentos, lágrimas e dor, sopram as folhas deixadas pelo Outono de sonhos que Helen viveu, trazendo o frio da estação ao seu interior. O cinza que cobre seus dias a leva para uma profunda depressão. Ela encontra nos amigos, na família e na fé a força para continuar. Ela desabafa seus sentimentos na sua agenda, colocando suas emoções sufocadas pela saudade, como um Inverno sem cores, onde tudo ao seu redor, está completamente frio, cinza e sem vida.
Título: Inverno de Cinzas
Série: Foi Assim Que Te Amei
Editora: Novo Século
Autor (a): Adriana Brazil
Número de páginas: 280 páginas


Quem leu a minha resenha de Outono de Sonhos sabe o quanto eu amei o livro e como me encantou a história de Helen e Andrew (se você não leu, clica aqui e confere). Com esse segundo livro não poderia ser diferente. Me vi totalmente envolvida na história e foi impossível não amar o livro.
Em Inverno de Cinzas conhecemos a fase mais sombria da vida de Helen: o afastamento de seu grande amor. Por conta de um laudo médico, Andrew decide ir embora e poupá-la de todo sofrimento que poderia acarretar a sua presença ali. Ele possui um grave problema de saúde (que descobrimos em Outono de Sonhos) e tem um tempo muito limitado de vida caso não comece um tratamento imediatamente em São Paulo. Querendo poupar Helen de todo sofrimento que sua morte possa a vim causar, ele decide terminar o namoro e ir embora.
Óbvio que essa não é a coisa mais sensata a fazer, né? Ao invés de poupá-la do sofrimento, ele consegue destruí-la emocionalmente. Arrasada, ela tenta de todas as formas fazer Andrew mudar de ideia, procura ter notícias dele, mas o silêncio dele é o que prevalece. Com isso Helen vai se afundando em tristezas e  não lembra, nem de longe, a menina que conhecemos no primeiro livro: determinada, cheia de vida e fé.
E é querendo livrar-se da depressão que ela decide dar a si mesma a chance de reconstruir a vida. E isso inclui também viver um novo relacionamento. No decorrer das páginas vamos acompanhando essa nova fase da vida de Helen e sua tentativa, em vão, de melhorar. Perdida, distante de seus ideais e de sua enorme fé, ela é apenas um reflexo do que já foi um dia. E ela sabe que sua vida só será completa ao lado de seu grande amor.
A história é linda. Consegue ser ainda melhor que Outono de Sonhos e, claro, já virou um dos meus favoritos. É daqueles livros que você não quer parar de ler, por que quer saber o que vai acontecer. Mas que também não quer terminar logo por que vai ter que aguardar ansiosa a continuação.
Me vi apaixonada por Richard, muito mais do que me apaixonei no primeiro livro. O caráter, o amor pelos amigos, a bondade explícita em cada gesto e palavra me conquistaram. Na verdade, os personagens de Inverno de Cinzas têm personalidades bem fortes e marcantes, cada um com seu jeitinho especial.
Gente, eu preciso contar a vocês: eu chorei muito com esse livro. Cada virada de página eram rios de lágrimas. Eu sofri com Helen, me envolvi com a dor dela, senti o que ela estava sentindo. Por que é impossível não se sentir dentro da história. A escrita de Adriana é mágica, faz com que você se sinta próxima dos personagens, que sinta vontade de abraçá-los, consolá-los, rir com eles, estar sempre perto.
Preciso dizer que recomendo? Inverno de Cinzas é uma história sensível e delicada, que toca o coração. Tenho certeza de que você não irá se arrepender de ler.


13 comentários:

  1. Parece ser um livro muito envolvente e emocionante, para te fazer chorar tanto assim
    Gostei da dica

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li o primeiro e como ainda não tenho o livro, acho que vou ter que esperar a segunda edição com capa nova sair pra depois pensar em ler esse.

    Espero gostar, muita gente diz maravilhas sobre os dois livros e eu gosto muito da autora como pessoa.

    Beijos,
    Letícia - Literature Diary

    ResponderExcluir
  3. Oie,
    eu ainda não li esse livro, mas parece ser bem fofo e estou sorteando ele no blog.

    Vou anota-lo na minha listinha de leitura.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá Neyla,

    Li e resenhei Outono da autora e gostei, gostaria de ler esse também...parabéns pela resenha....abraços.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oieeeeeeee!!!

    Adorei a resenha, muito fofinha, doce e meiga!! Que nem o livro e você!!

    Agora é esperar a primavera né?

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Aiii, gostei da resenha, mas o livro ficará para o futuro... Tenho lido tantas coisas que provocam lágrimas! rs

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  7. Ah, eu vi esse livro na Bienal aki no RJ... Parece ser um bom livro mesmo, mas confesso que não é muito meu etilo não. Me envolvo demais na história, daí fico arrasada... e totalmente impaciente se o casal não está junto, rs... Talvez algum dia.... quem sabe, né?!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha, deu vontade de ler! Gosto muito de livros assim, que envolve amigos.

    Estou te seguindo, beijos.

    http://nahboaoi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu tentei comprar esse livro em promoção na saraiva, mas sempre tava esgotado. Mas também nem tenho o primeiro ainda hehehehe. Que bom que a autora conseguiu manter o mesmo nível no segundo livro.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Neyla! Quanta emoção, estou mesmo precisando ler algo assim, ontem mesmo estava olhando meus livros em busca de algo para me emocionar. Eu sempre digo, mas nunca é demais, adoro o jeitinho todo doce de suas resenhas,
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  11. Oi Neyla, não teve jeito..... A autora realmente sabe mexer com nossas emoções, também chorei horrores, mas se já não engoli muito o primeiro livro, esse segundo me incomodou mais ainda..... Sinceramente, não sei se vou ler o final dessa série não..... Achei algumas coisas muito forçadas, muito mimimi......

    ResponderExcluir
  12. Eu ainda não li esse livro,pois os livros que com certeza vão me fazer chorar eu deixei para o final rsrsrs.O primeiro eu amei.

    ResponderExcluir
  13. Aaaai meu Deus, mais um pra minha quilométrica lista hahahaha
    Amei sua resenha e fiquei super ansiosa para ler esse livro, parece ser muito bom!

    ResponderExcluir