terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Um Toque Masculino - O Versátil Mundo do Podcast


Longos ou curtos, apresentados por uma pessoa, duas ou em grupo, apenas homens ou só mulheres, ficcional ou não ficcional, em padrão tradicional de locução ou como uma conversa de bar. Diversas são as formas que o Podcast se apresenta e, felizmente, essa variedade está se tornando cada vez maior no Brasil graças a expansão dessa mídia. Porém ainda há um grande número de pessoas que desconhece esse produto áudio-visual. Afinal o que é um Podcast
Segundo a definição encontrada no site da rede de rádios CBN: Podcast é o nome dado ao arquivo de áudio digital publicado na internet e atualizado via RSS. O usuário assina os canais desejados e passa a receber, periodicamente, as atualizações. Os arquivos - músicas, vídeos, programas esportivos e jornalísticos - são baixados, automaticamente ou de acordo com as preferências do usuário. Depois, podem ser transferidos para aparelhos portáteis, como o tocador de música digital iPod e mp3 players.
Essa portabilidade e adaptabilidade do Podcast foi responsável por facilitar sua aceitação. Afinal agora era possível carregar consigo para qualquer lugar um programa de rádio que não dependia de horário ou alcance para funcionar. Essa liberdade de não necessariamente ligado a uma rede de rádio permitiu também uma maior liberdade de conteúdo e programas de diversos gêneros surgiram: Humor, Literatura, Educação, Notícias, Gênero, Esportes e até mesmo Metalinguagem - Podcasts sobre Podcasts. Mesmo os grande veículos, quase sempre engessados, abriram os olhos e aos poucos passaram a produzir para a nova mídia, ainda que não diretamente em alguns casos.
Sou um apreciador do produto e explorando a internet (e também o iTunes) descobri uma enorme infinidade com os mais variados temas que me agradavam e outros mesmo não agradando se mostravam muito interessantes. Alguns autores nacionais de sucesso são ávidos participantes de Podcasts: Raphael Draccon, Fábio Barreto e Carolina Munhoz (Rapaduracast), Affonso Solano (Matando Robôs Gigantes), Eduardo Spohr (Nerdcast e Desconstruindo) - isso para citar alguns. São tantos disponíveis que fica difícil listar todos que gosto, mas citarei três que eu indico: Escriba Café (Sobre história, mitologia e literatura), Papo Lendário (Mitologias) e o Papo na Estante (Literatura, obvio).
E claro, está dentro dos planos do Coisas de Meninas lançar três programas testes de um podcast próprio com a leitura como tema base. Se for bem aceito continuaremos, se não for... paciência. Em breve teremos mais informações sobre essa brincadeira mas, enquanto isso, conta aí a sua experiência com o Podcast e quais seus favoritos (se não tiver um, busque um de seu interessa já).

3 comentários:

  1. Algumas amigas e eu mantivemos por um ano um podcast chamado "Meninas dos Livros" eramos em quatro e funcionou por um ano... Para nós foi uma experiencia muito boa tão boa que eu e a Michele vamos continuar lá na Estante, mas para a gente se divertir do que por qualquer outro motivo.

    Espero que vocês tentem, fico torcendo... e claro vou ouvir.

    Pandora.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ace,
    eu tenho vontade de montar um, mas confesso que não ando tendo tempo nem para postar no blog direito, muito menos criar um podcast, mas admiro quem consegue.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Ace,

    Confesso que desconhecia essa ferramenta, achei interessante e vou querer saber mais...parabéns pelo post...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir