segunda-feira, 10 de março de 2014

Resenha: Enders

















Título: Enders
Editora: Novo Conceito
Autor (a): Lissa Price
Número de páginas: 285 páginas





Sinopse: Depois que a Prime Destinations foi demolida, Callie pensou que teria paz para viver ao lado do ir- mão, Tyler, e do amigo, Michael. O banco de corpos foi destruído para sempre, e Callie nunca mais terá de alugar-se para os abomináveis Enders. No entanto, ela e Michael têm o chip implantado no cérebro e podem ser controlados. Além disso, o Velho ainda se comunica com Callie. O pesadelo não terminou. Agora, Callie procura uma maneira de remover o chip – isso pode custar sua vida, mas vai silenciar a voz que fala em sua mente. Se continuar sob o domínio dos Enders, Callie estará constantemente sujeita a fazer o que não quer, inclusive contra as pessoas que mais ama. Callie tem pouco tempo. Obstinada por descobrir quem é de fato o Velho e desejando, mais que tudo, uma vida normal para si e para o irmão, ela vai lutar pela verdade. Custe o que custar.

Demorei muito tempo para ler Startes. Via tantos elogios, tantas resenhas positivas que comecei a ficar com o pé atrás. Me chamem de esquisita, mas toda vez que um livro é elogiado demais eu fico com receio de ler e me decepcionar. Quando, finalmente, a poeira baixou e fiz a leitura, me apaixonei pela história. E foi com uma ansiedade de roer unhas que esperei Enders e ele superou todas as minhas expectativas.
Callie, Tyler e Michael continuam vivendo na casa que fora de Helena e, apesar da aparente calmaria, ela ainda ouve a voz do Velho em sua mente. Isso acontece por conta da modificação que seu chip sofreu quando ainda era uma hospedeira. Apesar de estar escondido, o Velho continua ativo em seus trabalhos e, após um acidente num shopping center, Callie se vê disposta a qualquer coisa para proteger o que ainda resta da sua família.
As coisas começam a mudar depois que ela conhece Hyden. Ele é um jovem misterioso, que carrega consigo um grande segredo. Hyden é um garoto obstinado e, junto com Callie, eles irão enfrentar o Velho e tentar salvar suas próprias vidas e as dos demais Starters.
Assim como o primeiro livro, Enders possui uma narrativa ágil e uma história repleta de ação. Os personagens, como sempre, são muito bem construídos. Sempre gostei muito de Callie por ser uma personagem bastante sagaz. Mas dessa vez caí de amores por Hyden, que é extremamente inteligente e astuto. Já comentei aqui que acho inteligência algo muito sexy, né? E, quando combinado com um jeito todo misterioso de ser, não tem como não cair de amores pelo personagem.
Assim como em Starters, há muita ação e romance também (sempre). A trama tem um ritmo bacana e a história vai se desenrolando de forma bem fluída, sem enrolação. Gosto muito da forma como a Lissa escreve, já que não é uma escrita pomposa, nem casual demais. Ela consegue ser intensa em praticamente todas as cenas e isso me agrada muito.
O que mais aguardei foi a revelação da identidade do Velho e não teve como não me surpreender. Eu tinha uma ideia de quem seria o Velho, mas descobrir que todas as minhas teorias estavam erradas me fez ficar embasbacada. Como sempre, o pensamento de" Como eu não pensei nisso antes" veio a tona e preciso tirar o chapéu para a autora, que soube conduzir esse mistério com maestria.
Enders é o último livro dessa duologia e não poderia ter encerrado de melhor forma. Para mim foi perfeito. Sei que algumas pessoas não gostaram, mas achei que a série foi fechada com chave de ouro, com todas as pontas muito bem amarradas. Sem dúvida, um livro que você não deve deixar de ler.


8 comentários:

  1. Olá!
    Eu não conhecia a duologia, quero dizer, não muito rs.
    Mas sempre bom quando um livro supera as nossas expectativas né?
    bjs
    http://letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oie,
    eu curti bastante o livro tb.
    Achei bem legal e agitado :D

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. neyla querida, desde starters que aguardo a continuação dessa saga que me ganhou rapidamente, a ponto de eu ficar caçando os ebooks, migalhas de histórias, para aplacar meu desejo de ler o final. agora ela chegou e vou me esbaldar, já que a grande maioria adorou o livro e suas indicações são tiro certo.

    ResponderExcluir
  4. Amiga, vou confessar que não gostei de Starters :( e olho que isso é raro.
    Tô enrolando horrores pra ler este.
    Bom, mas até que você me deixou curiosa quando falou da identidade do velho, rs. Agora quero saber né.
    Enfim, adorei a resenha!! Show. Até eu que não estava muito afim de ler mudei de ideia.

    bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oie Neyla
    Menina do céu. Você conseguiu encher meu coração de expectativas positivas.
    Eu nao estava muito animada pra ler essa duologia depois de ter lido tantas resenhas negativas, mas a sua me deixou bem ansiosa. Vou incluir na lista de leitura de abril.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Neyla,

    Terminei de ler esse livro ontem, acredita?.....kkk...mas confesso que esperava mais, gostei, só que achei fraquinho, mais gostei bastante de saber que é o velho....abraços.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. confesso que apesar de ter o primeiro não estou muito animada para ler não!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, Neyla,

    eu até que gostei do final sim, mas acredito q pelo tamanho da expectativa, merecia ser bem melhor. Acho que a revelação de quem era o Velho foi a grande surpresa do livro, mas como sou file, achei que ela deveria ter ficado com Michael. Acho que só eu, né?

    ResponderExcluir