terça-feira, 13 de maio de 2014

Um Toque Masculino: O Fogo








Título: O Fogo
Série: Bruxos e Bruxas
Editora: Novo Conceito
Autor (a): James Patterson
I.S.B.N.: 9788581633855
Número de Páginas: 272





-
E a sessão James Patterson está de volta... Tá, parei. Juro que esse é o último... Pelo menos até conseguir renovar meu estoque. Mas vamos ao que interessa.

Sinopse: Whit e Wisty Allgood sacrificaram tudo para liderar a Resistência contra o regime sanguinário que governa o mundo. O líder supremo, O Único Que É O Único, baniu tudo o que havia de bom: livros, música, arte e imaginação. Mas o poder dos dois irmãos parece estar longe de conseguir deter O Único, e agora ele executou a única família que eles tinham.
Wisty sabe que o momento se aproxima. Em breve ela estará cara a cara com O Único. A sua bravura e o seu dom canalizam ainda mais poder para esse ser, que já é invencível. De que maneira ela e Whit poderão se preparar para o confronto iminente com o implacável vilão que devastou o seu mundo – antes de ele se tornar verdadeiramente onipotente?
No impressionante terceiro livro da série Bruxos e Bruxas, a tensão está maior do que nunca – e as consequências mudarão tudo.

E a mágica aconteceu. James Patterson e Jill Dembowski, terceiro nome a assumir o papel de autor parceiro na série, dão continuação aos acontecimentos de O Dom. Teimoso que sou segui na leitura, mesmo tendo achado os dois últimos livros bem fracos, na esperança de uma melhora. E que diferença faz o parceiro certo, nossa!
Depois de um bombardeio da Nova Ordem, toda a Resistência se dissipou, cada um foi para um lado, e os pais de Whit e Wisty desapareceram, deixando-os sozinhos. Seus rostos estão estampados em dezenas de cartazes espalhados pelas ruas da cidade e uma multidão de soldados da N.O está atrás deles.
Em O Fogo, O Único que é o Único continua tentando encontrar Wisty Allgood e arrancar-lhe seu  precioso Dom. Ela e seu irmão, Whit, continuam tentando se esconder enquanto lidam com seus poderes aidna fora de controle, procurando maneiras de acabar com a soberania d'O Único. Seus pais estão mortos, a Resistência não existe mais e tudo está cada vez mais complicado para eles. Além disso Wisty doente, e Whit está desesperado para salvar a irmã. Nada é fácil na vida dos Allgood, e agora eles precisam de um verdadeiro milagre para se livrar dessa situação. E o começo da jornada para encontrar as respostas é em um feriado antigamente conhecido como Natal.
Nesse terceiro volume temos finalmente um amadurecimento que não tivemos no anterior. Não que o clima deixe de ser adolescente, mas está sombrio. E percebemos isso logo nos primeiros capítulos, pois a narrativa, apesar de seguir o padrão (capítulos curtos, linguagem jovem e pender para a agilidade) está nitidamente mais rica, mas detalhista e densa. Esse enriquecimento contribui bastante para a guinada que o livro dá na série, inclusive melhorando os personagens que andaram bem rasos em O Dom.
O livro bem que poderia se chamar A Evolução, tamanha é a mudança de patamar. Acho que fiz bem em continuar a leitura mesmo com os desastres anteriores. O desfecho da série também ficou a cargo da dupla Patterson e Dembowski, e só de ter uma continuidade mais forte acho que a série ainda tem potencial. Ao contrário do que pensam os personagens, uma boa conclusão ainda é possível para essa história.

Ps. Será que só eu acho legal os extras com os livros, cantores/bandas e filmes proibidos pela Nova Ordem? Tentar identificar aqueles nomes com as reais contrapartes é algo que em que me divirto bastante XD

12 comentários:

  1. LI O DOM, BRUXOS E BRUXAS AGORA ME FALTA LER O FOGO, AMEI A RESENHA

    ResponderExcluir
  2. NO FACEBOOK SOU LOURDES SILVA ROSA

    ResponderExcluir
  3. Vcs são obcecados por James Patterson hahahahahahaha
    Li Dom e confesso que não curti muito e não tinha a intenção de continuar a série, mas é que to adorando essas parcerias do James!

    ResponderExcluir
  4. Oie Ace,
    li recentemente este livro e ele é melhor que os outros da série, mas ainda não me conquistou.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não me conquistou não, mas achei que valia a pena destacar a melhora e a possibilidade de um bom fechamento para a série.

      Excluir
  5. Ace, querido.Tenho o primeiro livro aqui, Bruxos e Bruxas. Mas não encarei a leitura, de tantas resenhas negativas que li.Por que não tirei minhas próprias conclusões? Porque esperava alguém que me contasse o que há de bom e que veja coisas positivas que outros não detectaram.
    Bom saber que a série cresce. Uma hora dessas acho que encararei.

    ResponderExcluir
  6. Olá meu caro Ace,

    James Patterson é fogo mesmo....tem muitos livros bom, engraçado que acabei de postar a resenha desse livro no blog concordo com você acho que ele agora acertou a parceria, antes tarde do que nunca, tem alguns pontos a melhorar mais nos deu um animo....kkk....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Não!! Eu sempre leio os extras e adoro!!
    Agora eu vou ler o livro, mas tenho medo do 4º, rsrs.
    Gostei da resenha, eu não tinha intenção nenhuma de ler esse livro no momento, mas vou arriscar!

    Eu gosto da série, acho os irmãos bem bacanas e tal... só faltava algo mais, acho que agora engrena.

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ace, terá um quinto e último livro que não será com a parceria de Jill Dembowski. Será lançado em Dezembro e se chama "The Lost" com co-autoria da Emily Raymond. Tudo que melhora, pode voltar a piorar… vai saber!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi isso também, mas não encontrei confirmação. De toda forma ainda espero um fechamento bacana, mas não vou me importar muito.

      Excluir
  9. Quando a NC lançou o primeiro livro, fiquei até curiosa pela trama, só que as resenhas negativas me desanimaram. Vamos ver com a série termina pode ser que termine mudado de ideia e acabe por lê-la.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Dá lhes James Patterson heheheh. Agora me animei. Eu já tinha até desistido dessa serie, mas pelo jeito nesse a história teve jeito. Acho quer vou querer ler agora hehehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir