segunda-feira, 2 de junho de 2014

Resenha: Belleville










Título: Belleville
Editora: Novo Conceito
Autor (a): FelipeColbert
Número de Páginas: 301 






Sinopse: Se pudesse, Lucius aterrissaria em 1964 para ajudar Anabelle a realizar o grande sonho do seu falecido pai! De quebra, ajudaria a moça a enfrentar alguns problemas muito difíceis, entre eles resistir à violência do seu tio Lino. Claro que conhecer de perto os lindos olhos verdes que ele viu no retrato não seria nenhum sacrifício... Sem conseguir explicar o que está acontecendo, Lucius inicia uma intensa troca de correspondência com a antiga moradora da casa para onde se mudou. Uma relação que começa com desconfiança, passa pelo carinho e evolui para uma irresistível paixão – e para um pedido de socorro...

Lucius mudou-se para Campos do Jordão para cursar a faculdade de matemática que tanto desejava. A casa escolhida é antiga e logo ele começa a descobrir tesouros que vão acabar por mudar sua vida. A primeira é uma fotografia de uma mocinha de, aproximadamente, 18 anos. Ela estava sentada próximo a um dos pilares próximos ao bosque, com uma caixa de madeira nas mãos, pás e um buraco no chão que levava a crer que seria para enterrar a caixa. Movido pela curiosidade, Lucius decide ir ao local e lá, enterrada no mesmo local, está a caixa e uma carta.
A carta foi escrita por Anabele, antiga proprietária da casa. Nela, ela conta sobre o maior sonho de seu pai: construir Belleville, uma montanha russa, ali na clareira onde ele se encontra. A carta é endereçada ao próximo morador e ela pede para que a pessoa que esteja lendo dê continuidade aos planos de seu pai.
Sem ter recursos de levar adiante a construção da montanha russa, Lucius escreve uma nova carta para um futuro morador daquela casa. Mas, para sua surpresa, ao remexer novamente na caixa, encontra uma nova carta...de Anabelle. Mas como seria possível, se ela está em 1964 e ele em 2013?
Anabele é órfã e tem como companhia apenas seu fiel gatinho Tião. Sua vida não é nada fácil, principalmente pela falta de dinheiro e comida em casa. Através dessa troca de cartas, ela não se sente mais tão só. Ele, que também não tem amigos, vê em Anabele uma companhia e assim a amizade dos dois cresce, se tornando algo mais sólido e forte apesar de todo o tempo que os separa. E, é por conta desse sentimento que Lucius decide atender o pedido de dela e construir Belleville.
Claro que as coisas não são fáceis. A vida de Anabele, apesar de dura, não é infeliz. Mas com a chegada de seu tio Lino as coisas começam a ficar insuportáveis e, até mesmo as cartas de Lucius, que a faziam tão bem, não são capazes de retirar de seu peito a tristeza e a amargura que agora carrega. Só mesmo Belleville lhe dá um pouco de esperança.
Chorei muito em várias partes do livro, principalmente quando tio Lino entra na história. Fechei o livro diversas vezes por que simplesmente não conseguia seguir em frente diante daquele homem que mais parecia um monstro. Eu não sou de pegar ódio de personagem com facilidade, mas esse homem conseguiu me tirar do sério. Cruel, egoísta, asqueroso...me faltam palavras para definir esse homem de atitudes detestáveis. Anabele foi a minha personagem preferida, principalmente por toda força que demonstrou. Em seu lugar, não sei como suportaria toda situação pela qual foi submetida.
Gostei muito da forma como a história é conduzida. Achei a trama diferente e surpreendente, achei os personagens bem moldados e a história muito envolvente. É uma leitura rápida, com passagens emocionantes e que podem levar aqueles leitores mais emotivos às lágrimas. A escrita de Felipe conquista pela simplicidade. Ele conseguiu criar uma história que é pura sensibilidade, com uma linguagem simples e, ao mesmo tempo, poética.
Esse é,com certeza, um livro que você não pode deixar de ler.

10 comentários:

  1. Oi Neyla! Achei uma graça a capa desse livro! E a história parece ser fantástica. A sua resenha é a primeira que leio que menciona essa parte asquerosa do tio Lino. Fiquei ainda mais curiosa pra ler o livro!
    Beijoo, Gabe!

    Blog Mundo Mágico dos Livros

    ResponderExcluir
  2. eu gostei demais dessa história, li sem muita pretensão e acabei me surpreendendo. Fico feliz que vc tbm tenha gostado ^^
    bjs
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Neyla! Deste autor eu só li A última nota, em parceria com a Lu Piras e amei, uma história de amor que arrancou suspiros, depois desta sua resenha, tenho certeza que vou amar este novo livro dele, e como sou emotiva, já separei os lenços.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  4. Neylinha, se já me interessava pelo livro só pela linda capa e sinopse promissora, com sua resenha fiquei encantada!
    Lembrei logo do filme A Casa do Lago, pelo lapso temporal que separa nossos protagonistas. E pelo sentimento que os aproxima.
    Como sou sensível, acho que tb sofrerei com a leitura. Espero que tenha um final bonito.
    Beijoooooo!

    ResponderExcluir
  5. Oi Neyla,
    a capa já tinha me chamado atenção.
    Não é muito meu estilo de leitura, mas vou arriscar com certeza :)

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  6. Hey
    Acho a capa bem bonita.

    Sua resenha foi a primeira que li, não imaginava algo tão emocional assim.
    Tio Lino, já entrou na lista negra -q

    Parabéns pela resenha

    bjs e uma ótima terça.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  7. Meniiiiiiiiina. Adoro pegar ódio de personagem!!! hahahaha
    Um livro assim faz eu ficar pensando nele mesmo depois de ter lido, e depois de dias eu ainda fico pensando nele... Isso é bom demais!!
    Amei a resenha!!!!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Neyla,
    Ainda não tinha lido nenhuma resenha desse livro, mas gostei da proposta do autor então se surgir uma oportunidade, vou querer lê-lo.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela resenha. Você deixou transparecer seus sentimentos em cada palavra escrita. Consequência, não conhecia o livro ainda, mas quero ler pra ontem.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  10. Bom dia Neyla,

    Esse livro esta na minha lista de espera de leitura, que esta bem grandinha....kkk....mas só leio resenhas positivas dele e vejo que vou gostar muito também...parabéns pela resenha...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir