terça-feira, 8 de julho de 2014

Brigada Ligeira Estelar

A Constelação do Sabre vive dias sombrios.
O trono da Aliança Imperial está vago. Nobres traiçoeiros tecem intrigas para assumir o poder. E das profundezas do espaço surgem os Proscritos, invasores dispostos a profanar tudo que encontram.
Mas é nos momentos mais sombrios que surgem os maiores heróis. Duelistas, espiões, corsários, hussardos. Todos dispostos a pilotar seus colossos de metal e erguer seus sabres de energia. Todos dispostos a vencer.
Seja bem-vindo às estrelas do Sabre. Seja bem-vindo ao universo da Brigada Ligeira Estelar.
Título: Brigada Ligeira Estelar
Autor: Alexandre Lancaster
Formato: 26 x 17 cm, 80 páginas, brochura
Editora: Jambô

Pela sinopse, essa poderia ser uma história espacial bem emocionante repleta de emoção, aventura, intrigas, capa e espada (e robôs gigantes!). Mas a verdade é que ela pode ser muito mais que isso. E só há uma pessoa que pode determinar o roteiro dessa narrativa: você!
Sim, o Toque Masculino vai falar mais uma vez de RPG, mas não de um RPG qualquer. Trata-se de um produto nacional, original, com espaços para narrativas variadas, capaz de agradar os diversos públicos. E quem faz questão de frisar isso foi o autor Alexandre Lancaster. Mas antes, que tal conhecer um pouco mais do cenário?
Em Brigada Ligeira Estelar você vive em um futuro distante onde a humanidade deixou o planeta Terra em busca da sobrevivência. Dos 94 planetas que compõem a Constelação do Sabre, você muito provavelmente será habitante de um dos 19 que são habitáveis - a Confederação Interplanetária. Embora cada mundo tenha seus próprios problemas (disputas políticas, guerras civis), eles estão unidos para combater a ameaça de misteriosos invasores conhecidos como Próscritos e seus robôs conhecidos como Quimeras. Para isso moças e rapazes integram a cavalaria mecânica ligeira conhecida como Hussardo.
São muitas as possibilidades de enredo para as aventuras nos mundos da Aliança. Você pode ser um piloto de uma das unidades Hussardo e lutar pelo império. Pode ser uma nobre que não acha justo que apenas homens possam se alistar em seu planeta natal e lutar contra a repreensão. Pode ser uma contrabandista que leva alimentos para necessitados em zonas de guerra. Ou então ser uma nobre que não aceita seu casamento arranjado por seu pai para ampliar o poder da sua família no "jogo dos tronos". Ou quem sabe uma estrela da música que usa sua influência para espionar a nobreza para aquele seu empresário secreto. Ou talvez ser um duelista em busca de emoção e bons combates, ou um justiceiro, ou um mercenário.... Acho que já deu para entender, né.
Como se isso fosse pouco Brigada Ligeira Estelar é um cenário em constante construção. Isso significa que, além dos livros publicados, Brigada recebe materiais exclusivos escritos pelo próprio autor (atualizações, ideias para aventuras, personagens, e muito mais). Esse extra é encontrado bem aqui no site da Editora Jambô, e não é o único. Existe também um fórum onde o autor e outros fãs e jogadores discutem regras, contam suas experiências, dão sugestão e batem um papo sobre tudo que rola na Constelação do Sabre.



Para jogar é necessário apenas conhecer as regras básicas do 3D&T Alpha (sistema bem simples e com edição gratuita em PDF através da Loja da Editora) e possuir um exemplar de Brigada Ligeira Estelar. Mas quem quiser se aprofundar ainda mais no jogo pode adquirir os suplementos A Constelação do Sabre Vol. 1 e 2  e conhecer mais a fundo os 19 planetas que os humanos chamam de lar. Todos os livros são encontrados com frete grátis (físico e digital) na Loja Jambô o que já é um incentivo a mais para que ficou curioso.

Ps. Para quem ainda não conhece muito (ou nada) sobre esse hobby tão saudável que é o RPG fizemos uma postagem bem didática sobre ele. É só clicar AQUI. ;)


4 comentários:

  1. Que legal achei uma leitura bem interessante,e gostei da construção dos personagens.
    Mais legal ainda que tem um super jogo para os leitores que curtem RPG jogar maravilha.

    http://magiasbook.blogspot.com.br/2014/06/nova-empresa-parceira-beleza-rosa.html

    ResponderExcluir
  2. Oi Ace!
    Gostei bastante do post e amei os desenhos! Mas não curto jogar RPG "de mesa", só gosto no computador...

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  3. Eu até achei a trama interessante, mas eu não jogo RPG, então vou deixar a dica passar.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá Ace,

    Quando vejo falar de RPG já lembro de você e realmente pensei que fosse uma história espacial, pelo nome peculiar...kk....mas gostei do que vi, só me falta tempo para conhecer esse mundo melhor.....ótima dica.....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir