segunda-feira, 27 de abril de 2015

Perdas e Danos










Travis Brown é um rapaz diferente da maioria dos jovens de sua idade. Aos 23 anos, já conheceu – e perdeu – seu grande amor, já precisou lutar pela guarda da filha na justiça e agora trabalha incansavelmente para sustentá-la. Sua rotina não é fácil, mas ele consegue levar uma vida digna.
De repente, tudo começa a dar errado: ele perde o emprego, sua casa pega fogo e sua mãe morre. Sem ter a quem recorrer, precisa ir morar com a filha em um acampamento para trailers. Lá, conhece Savannah, uma jovem linda e sexy que realmente parece querer ajudá-lo.
É ela quem lhe fala sobre a vaga em uma obra em Raleigh, uma cidade próxima. Travis não quer se mudar, mas não tem alternativa: seus últimos dólares estão acabando e ele não vê a menor perspectiva de conseguir mais dinheiro.
No entanto, ao chegar a Raleigh e conhecer Roy, seu suposto empregador, ele descobre que o trabalho na verdade é um roubo. Roy garante que será a única vez e que a quantia que Travis receberá será suficiente para tirá-lo do sufoco por um bom tempo.
Agora, de frente para a maior encruzilhada de sua vida, Travis precisa decidir que caminho seguir para continuar sendo um pai exemplar.
Título: Perdas e Danos
Editora: Arqueiro
Autor (a): 
Diane Chamberlain
Número de Páginas: 256


Falar de Diane Chamberlain, para mim, é um imenso prazer. Fui fisgada pela escrita da autora em Segredos e Mentiras, um dos livros mais incríveis que li ano passado e com o lançamento de Perdas e Danos já fiquei na ansiedade. Eu sabia que encontraria uma história dramática e que me prendesse, afinal isso é característico da autora. E não foi diferente: a trama me conquistou de imediato e, mais uma vez, me vi rendida ao trabalho maravilhoso dessa autora!
Travis e Robin se conheceram quando ainda eram bem novinhos. Ela é uma garota de boas condições, que vive com o pai e que tem um grave problema de saúde que a obriga a tomar vários medicamentos ao dia. Travis, por sua vez, vive com a mãe em uma área mais pobre da cidade e é um garoto franzino, sem grandes atrativos, mas dono de olhos azuis profundos. Os dois não possuem nada em comum, somente o fato de terem perdido um dos pais. Com o convívio, acabam desenvolvendo uma amizade que mais tarde evolui para um grande amor.
As coisas não são tão fáceis para o jovem casal, afinal uma amizade entre os dois é até tolerável pelo pai de Robin, mas um namoro é algo que ele não aprova. Os dois passam, então, a se verem escondidos até que uma inesperada gravidez põe fim à relação. Com o afastamento, ela decide fazer a vontade do pai e dar a criança para adoção. Porém Travis consegue ganhar a guarda na justiça e com isso passa a criar sua filhinha, Bella, que é a razão de seu viver. Apesar da vida dura, a garotinha é cercada de muito amor e ele se esforça para que nada lhe falte. Até que, um dia, o mundo de Travis desaba. Um incêndio em sua casa. Tudo queimado, inclusive seu salário. Ele tem agora somente sua van, sua filha e a esperança de conseguir um emprego e um lar onde possa tocar sua vida com dignidade.
Robin, por sua vez, tem um futuro brilhante a sua frente. Noiva de um homem bem sucedido, ela se sente amparada em seus braços e a família dele é como se fosse a sua. Porém ela não é totalmente feliz, afinal esconde do noivo um grande segredo que pode a vir arruinar os planos de casamento.
Paralelamente, conhecemos a história de Erin, uma mulher jovem, que perdeu a filha de 4 anos e decidiu se isolar de todos em uma cidadezinha mais calma e tentar apaziguar sua dor. Para ela nada mais importa: família, marido, casa, trabalho. Ela perdeu sua filhinha e essa dor parece estar cada dia mais distante de superar. 
Quando Travis vai atrás de uma proposta de trabalho na mesma cidade onde Erin está, essas duas histórias se cruzam e esses personagens, que aparentemente não teriam por que se envolver, acabam protagonizando um drama incrível e de levar lágrimas aos olhos. Ele, um rapaz honesto, se vê envolvido com pessoas de má índole e o trabalho, que era para ele a corda de salvação, acaba por se mostrar ser o início da sua ruína. 
Quando conhecemos Travis, Bella já tem 4 anos e toda sua história com Robin nos é apresentada através da lembrança de ambos. Muita coisa mudou na vida dos dois, menos o amor que ainda se faz presente no coração de ambos. Um amor que nem mesmo o tempo ou as adversidades conseguiram apagar.
A trama criada por Diane é envolvente, emocionante e extremamente sensível. Os capítulos são intercalados, narrados por Travis, Erin e Robin, o que é uma característica dos livros da autora e que eu acho muito bom por nos permitir conhecer a história através de pontos de vistas diferentes. Os personagens são muito bem construídos e conseguem nos emocionar com seus dramas pessoais, cada qual buscando de sua maneira superar suas perdas. 
Para mim Travis foi o melhor personagem da história. A personalidade forte, a força de caráter, o amor pela filha, tudo me fez amá-lo e torcer para que conseguisse seu final feliz. Travis é um excelente pai, que põe sua filha sempre em primeiro lugar e que tudo que faz é pensando nela. Eu chorei com ele (e por ele) a cada novo problema, e devo dizer que não foram poucas vezes afinal a cada novo capítulo algo dava errado e a desesperança sempre pairava no ar.
Talvez, por ter lido Segredos e Mentira (da mesma autora), eu tenha sentido a falta de um pouco de mistério e de uma história que fosse além do óbvio, mas não me fez gostar menos dela. Longe disso! A história é linda, sensível e emocionante, me tocou de forma profunda e me levou a uma quase ressaca literária, afinal eu só pensava no livro. 
Tenho certeza de que irá agradar em cheio a cada um de vocês!

10 comentários:

  1. Nossa, confesso que sou manteiga derretida com livros assim. Choro, sofro, torço e faço de tudo pelos personagens porque eles são encantadores. E que história linda e ao mesmo tempo tão triste, com toda a certeza me fez ter vontade de ler e saber o que vai acontecer, mesmo sabendo que irei sofrer e muito com essa história. Nunca li nada da autora e espero ter uma primeira impressão e acredito que terei! Muito obrigada pela dica <3
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu estava doida pra saber uma opinião deste livro.

    Bom, sem contar que por sua causa eu peguei Segredos e Mentiras (mas não li ainda), é claro que agora eu também vou querer este né!!!

    Adoro esses dramas mulher!! Você sabe disso!!!

    Amei a resenha!!!!!!!!

    Bjks

    Lelê

    ResponderExcluir
  3. Olá Neyla,

    Esse livro esta na minha listinha de desejados, essa é a primeira resenha que leio dele, sabia que a história é muito boa e sua resenha só confirmou isso, ótima dica...bjs.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Até que enfim uma resenha desse livro, coloquei ele na minha wishlist no começo do ano, mas não sabia nada além da sinopse! Não tinha lido resenha dele ainda, fiquei mais interessada!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  5. Quando gostamos de um autor, não tem jeito, sempre somos sugados por seus livros. Pelo que vi, esse foge um pouco do tipo de livro que gosto de ler, pois me parece ser denso demais. O próprio título já fala muito sobre ele. Enfim, não sei se o leria nesse momento, mas anotei a dica aqui.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  6. Oii,
    Fiquei tocada com a resenha, já conhecia o livro mas não tinha parado pra saber sobre o que realmente é. Adorei e pretendo ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Neyla.
    Essas histórias sensíveis e emocionantes acabam comigo, sei que perdas e danos tem uma trama boa que vale a pena ser lida, mas não é uma leitura que faria no momento.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  8. Parece ser um livro tocante e fiquei curiosa sobre o que acontece com a Erin porque sinto que ela teve um pequeno envolvimento com o travis, fiquei me perguntando se a indicação do emprego foi alguma maldade

    ResponderExcluir
  9. Desde que o livro começou a ser divulgado eu me interessei. Botei o olho na sinopse e de cara vi que se tratava de uma história comovente e emocionante. O mais legal é que, apesar do Travis ser o protagonista, a história foca em outros personagens tão importante quanto.
    Prevejo muito aperto no coração durante a leitura.

    ResponderExcluir
  10. Neyla1
    Também li Segredos e mentiras e fui fisgada pela escrita envolvente da autora, carregada de mistério e com desfecho fenomenal.
    Achei a trama aqui bem condizente com as ideias mostradas anteriormente e sempre que tem criança envolvida, nos sentimos mais sentimentais e ternos, me parece uma boa história para ser lida.
    “Acredite na justiça, mas não a que emana dos demais e sim na tua própria.” (Código Samurai)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir