quinta-feira, 24 de março de 2016

Netflix: Demolidor - Temporada 2



Justo quando Matt acredita que ele está trazendo ordem para a cidade, novas forças emergem na Cozinha do Inferno. Agora o Homem sem Medo deve enfrentar um novo adversário, Frank Castle, e encarar uma antiga paixão – Elektra Natchios.
Problemas maiores surgem quando Frank Castle, um homem em busca de vingança, renasce como O Justiceiro, um homem que toma a justiça em suas mãos na vizinhança de Matt. Enquanto isso, Matt deve balancear seu dever com sua comunidade como advogado e sua vida perigosa como o Diabo de Hell’s Kitchen, enfrentando uma decisão que mudará sua vida e o forçará a entender o que realmente é ser um herói.
Título: Demolidor
Título Original: Daredevil
Lançamento/Duração: 2016 - 50 minutos/episódio
Temporada: 13 Episódios - Gênero: Ação/Thiller
Classificação: 18 - Não recomendado para menores de 18 anos
Elenco: Charlie Cox, Deborah Ann Woll, Elden Henson, Vincent D'Onofrio, Rosario Dawson, Elodie Yung, Jon Bernthal


Está aqui uma coisa que nunca fizemos: retornar a uma série e tecer comentários sobre uma segunda/terceira/quarta/whatever temporada. Nunca achamos necessário entrar na questão de separar por etapa, mas dessa vez não consegui manter dessa forma. Pode chamar isso de empolgação, efeito Marvel, mas a verdade é que a Temporada 2 funciona  como uma série totalmente nova e interessante por si só, e - com exceção de alguns detalhes - bastante independente!
Lá no ano passado falei por aqui da série do Homem Sem Medo produzida pela Netflix em parceria com a Marvel. Daredevil/Demolidor foi sucesso de crítica e entre o público fazendo com que o planejamento da Netflix mudasse e encaixasse uma segunda temporada antes da conclusão das demais séries planejadas e sua união. Para quem não sabe as empresas se uniram para criar séries um pouco mais adultas utilizando de personagens urbanos e menos conhecidos, que enfrentam problemas em escala menor que seus companheiros do cinema. A primeira delas foi Demolidor (1ª Temporada) e depois veio Jessica Jones (1ª Temporada), as outras duas ainda estão por vir e são: Luke Cage, Punho de Ferro (todas com 13 episódios cada) e finalizará em uma outra com 8 capítulos que reunirá os quatro heróis formando a equipe Os Defensores.


Para Mattew Murdock suas ações como vigilante mascarado e advogado estão fazendo a diferença na dura realidade de Hell's Kitchen, bairro onde nasceu e cresceu em Nova York. Wilson Fisk está longe das ruas, as gangues estão cada vez mais perdendo forças, mas tudo está prestes a desandar com o aparecimento de um novo vigilante e o retorno de um conturbado relacionamento do passado.
A presença de Frank Castle e Elektra afeta a vida de Matt nos dois âmbitos: o Justiceiro logo acaba envolvido com os casos do escritório de advocacia Nelson & Murdock, enquanto como Demolidor nosso herói fará de tudo para detê-lo; a ninja assassina Elektra chega para afetar sua vida profissional e pessoal, desviando sua atenção para uma nova e perigosa questão.
Matt tem que se esforçar a cada momento para balancear seu dever com sua comunidade como advogado e sua vida perigosa como o Diabo de Hell’s Kitchen, enfrentando uma decisão que mudará sua vida e o forçará a entender o que realmente é ser um herói. Tão difíceis quantos seus embates são as decisões que o aguardam e suas consequências...


Mantendo a qualidade e o zelo apresentados na temporada, a série continua a preservar a fidelidade ao material fonte e não tem medo de ser forte, intensa, e levar a sério a trajetória de seus personagens. As questões filosóficas, conflitos psicológicos e ideológicos, que tanto marcaram a estreia da série se mantém firmes e são fundamentais para o desenvolvimento dos personagens, principalmente o trio Demolidor, Justiceiro e Elektra.
Os atores escalados fazem um excelente trabalho ao dar vida e personalidade aos personagens, mesmo os coadjuvantes. Apesar de o herói ser o ponto central do seriado, é difícil gostar apenas dele quando temos uma leva de personagens intrigantes e cativantes como Foggy Nelson, Karen Page, Claire Temples e Elektra. Nem preciso falar do Justiceiro/The Punisher, né? A participação de Frank Castle é tão grande que faz com que até duvidemos se não estamos vendo uma série sobre o personagem. E graças ao sucesso do personagem não acho difícil que isso aconteça...
Novamente os roteiros densos e sóbrios, puxam o clima da série para o lado mais sombrio e adulto dos personagens vindos de histórias em quadrinhos, algo extremamente positivo nas séries produzidas pela Netflix. A fotografia escura e a trilha também contribuem para que esse clima se evidencie e esteja presente em todos momentos da trama. Outro ponto que merece destaque são as cenas de ação muito bem coreografadas e executadas que te fazem perder o fôlego. Tudo isso sem deixar de transmitir um pouco realismo e manter o espectador crente em ver um herói em formação, com suas vantagens e dificuldades. E não sei como conseguiram fazer com que ficassem ainda melhores!!

Como assisti a série com calma pude me permitir analisar a série em diversos ângulos e detalhes, e assisti-la no idioma original e dublada. E preciso dizer que seja qual for a sua escolha ela será acertada. O trabalho de dublagem não deixa nada a dever para o original, e são pouquíssimas as famosas perdas por tradução. Boa parte dos termos e nomes próprios de locais foram mantidos fielmente como a própria Hell's Kitchen, que não foi chamada de Cozinha do Inferno como é nos quadrinhos, mas na versão dublada alguns termos sofrem com uma inconstância como Mão /Tentáculo e Demolidor/Daredevil.
Demolidor Temporada 2 conseguiu, na minha opinião, superar a temporada de estreia e se reforçar como a melhor série de herói feita até o momento. A equipe conseguiu estruturar uma adaptação que une fidelidade aos quadrinhos do personagem, um clima sombrio e maduro, um arco de histórias fechado e coeso que percorre todos os episódios, e se manter dentro do Universo Marvel já consolidado no cinema sem que isso perdesse o sentido. A série é mais que recomendada para os amantes de quadrinhos, mas com certeza irá agradar todo aquele que gosta de bons thillers soturnos também. Aproveita que a netflix já lançou todos os episódios e confere você também, quem sabe não rola até maratona!?




Um comentário:

  1. Olá Ace,

    Série são tudo de bom né? Ainda não assisti essa mas parece muito boa, gostei da dica.


    http://deslumbreacessorios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir