segunda-feira, 28 de março de 2016

Top 5: Chick-lits


Aêee, voltamos com mais um Top 5 e dessa vez para falar de Chick-lits, que eu AMO! Durante essa minha vida longa de leitora, me deparei com livros super divertidos, que me fizeram gargalhar e, por consequência, chamar a atenção de quem quer que estivesse ao meu lado. Ficou curioso? Então vem comigo conferir os cinco escolhidos de hoje:

1- Uma Amor de Detetive
Esse livro estava na minha wishlist faz tempo, mas nunca encontrava pra comprar (e quando achava o preço era de matar). Até que um dia ele apareceu, lindo, leve e solto, disponível para solicitação no LivraLivro. "Quéqueufiz?" Solicitei-ei-ei e aproveitei pra colocar na meta de 2016.
Não estava preparada para o tanto que ri enquanto lia. Holly me ganhou de imediato por ser um verdadeiro desastre ambulante. Vocês não têm noção das coisas que ela consegue fazer sem querer: bater o joelho na testa enquanto entra num carro, prender o dedão do pé em uma garrafa (juro!), tropeçar em uma bala... coisas que são, aparentemente, difíceis de acontecer com uma pessoa comum, acabam acontecendo com ela.
Para entender a história: Holly é uma jornalista, que escrevia obituários de animais (hahahaha) e se viu transferida para a área criminal do jornal, onde terá uma coluna que será uma espécie de diário. Ela será como a sombra de um policial e escreverá tudo que acontece no dia-a-dia deles. Parece fácil e até divertido. Poderia até ser, se o policial escolhido não fosse James Sabine. O que ele tem de lindo, tem de irritante e a presença de Holly não é bem vinda (e ele nem faz questão de disfarçar). Juntos eles vão passar por situações hilárias, daquelas que nos fazem gargalhar.
Amei a história, amei os personagens e perdi as contas de quantas vezes caí na gargalhada. Um dos melhores chick-lits que já li na vida. 
2- Férias
O segundo livro da Marian Keys que li e o meu preferido até hoje. Férias é aquele tipo de livro que você começa a ler sem muitas pretensões e quando vê está soltando sonoras gargalhadas com as desventuras de Rachel. Ela, uma viciada em drogas, se vê obrigada a ir para uma casa de recuperação para se tratar. Contudo, ela está esperando algo bem glamouroso, praticamente um spa cheio de celebridades, um local onde possa relaxar e tirar umas "férias". Mas o que ela vai encontrar por lá está bem longe do que imaginava.
Uma das coisas que eu mais admiro na Marian é a forma como ela consegue abordar assuntos sérios e delicados de uma forma sutil e sem perder o bom humor. A história pessoal da personagem é forte e tem até um quê de drama. Mas, somado às situações ridículas em que ela se mete, acaba por ficar divertido. Rachel é muito carismática e, apesar do jeito sem noção, ela é só uma mulher fragilizada que tenta esquecer os problemas e encontrar a felicidade.
Recomendo demais da conta! <3
3- Qual o Seu Número?
Eis aí um livro que tinha na estante e demorei uma eternidade para ler. Todo mundo dizia que era ótimo, que o filme era muito bom também... e eu nada! Até que um dia me joguei. E amei!
Não sei se passei mais tempo rindo ou gritando com a personagem. Delilah é LOUCA! As coisas que essa mulher faz para encontrar os ex's (e depois que encontra) é de deixar qualquer um morrendo de vergonha alheia. Muitas vezes eu relia os trechos para ter certeza de que era aquilo mesmo que estava acontecendo.
Para quem não conhece a história, após ler em uma revista sobre a média de homens que as mulheres dormiram, ela se dá conta que está bem acima do valor estipulado e resolve que não vai mais dormir com homem algum. Isso mesmo que você está lendo. E não pense que acabou por aí! Não contente, ela decide ir atrás de cada ex para tentar "reacender" alguma chama que por acaso ainda tenha restado. Preciso dizer que a história é daquelas de fazer rir até chorar? Uma jornada que está fadada ao fracasso, claro, mas que rende momentos deliciosamente divertidos.
Por mais que a protagonista tenha sido uma louca, não tive como não gostar dela. Ela é autêntica, decidida, sabe o quer da vida e vai atrás disso. A história é ótima e o filme, muito embora tenha algumas modificações, é tão bom quanto ele. Super vale a pena!
4- Bridget Jones: No Limite da Razão
Antes de mais nada, preciso dizer: esqueça aquele filme "blergh" que não tem nada a ver com o livro (foi um verdadeiro estrago, fiquei possessa quando vi aquilo, pior adaptação ever). Este é, na minha opinião, melhor que o primeiro livro e é queridíssimo da estante. <3
Em No Limite da Razão continuamos acompanhando as lutas diárias de nossa mocinha, que agora tem um relacionamento sério com Mark Darcy (<3) e precisa fazer de tudo para se segurar já que uma rival está fazendo de tudo para roubar o gato.
Esse foi o primeiro livro que li da série (isso mesmo que você está lendo) e achei bem mais divertido que o primeiro, com uma história mais elaborada e que prende mais o leitor. Bridget é o tipo que está longe do politicamente correto: vive de dieta (mas nunca as leva a sério), conta calorias e cigarros fumados (e os minutos sem fazer sexo também), bebe (e sempre fica mal depois) e fuma que nem uma chaminé. Porém, é dona de um coração bom e gentil, as vezes é meio ingênua e está sempre pronta para ajudar. Essa mistura é o que a torna uma personagem tão carismática.
O que eu mais amo nesse livro é o fato de que a Bridget tentar fazer o certo de uma maneira nada convencional e acaba se metendo em situações desastrosas, que são um prato cheio para o leitor. Ainda não li o terceiro livro e nem sei se pretendo, afinal esse segundo fecha a história de forma perfeita (e eu não quero ver meu castelo de cartas voar pelos ares). Pra quem não conhece os livros, está na hora de conhecer. Chick-lit de qualidade.
5- Dizem Por Aí
Será que vai soar muito repetitivo se eu disser que amo esse livro? Não sei dizer o que mais me atraiu: a história divertida, a personagem principal ou os secundário, a narrativa deliciosa da Jill Mansell ou se foi tudo isso reunido. Só sei que o livro é ma-ra-vi-lho-so e pretendo reler em breve.
Em Dizem Por Aí conhecemos Tilly, que após tomar ser abandonada pelo namorado, decide aceitar o emprego de garota faz tudo em uma casa no campo. O trabalho consiste em fazer de tudo: cozinhar, cuidar da casa e do cachorro, levar Lou (a garotinha) na escola e ajudar Max (o patrão) em algumas tarefas na sua empresa (ele é design de interiores). Envolvida nesse novo trabalho ele nem pensa em se apaixonar novamente. Até encontrar Jack, o solteiro mais cobiçado do pedaço. <3
A história é bem leve e uma das coisas mais bacanas é que o livro não fica preso apenas ao envolvimento entre Tilly e Jack. Os demais personagens são bem explorados e vamos acompanhando seus "dramas pessoais" e nos divertindo com as situações que eles passam.
Lembro que quando esse livro chegou eu fiquei doida pra ler, mas tinha um certo receio de me decepcionar. Acabou que ele superou todas as minhas expectativas e se tornou um dos queridinhos. <3 Se tiverem a oportunidade de ler, leiam. Super vale a pena!
E aí, gostaram? Já leram alguns desses? E quais os chick-lits que você recomendam? Conta aqui pra mim!
Beijos

16 comentários:

  1. Adooooro Chick-lits e amei as suas dicas. Acredita que até hoje não li nenhum da Bridget Jones ¬¬'
    Pois é, absurdo!
    Qual o Seu Número parece muito bom.

    Obrigada pelas dicas ^^
    Beijos!

    www.crescendoemflor.com

    ResponderExcluir
  2. Oiii, tudo bem?
    Eu realmente não sei se já li algum chick lits, não costumo me apegar muito a gêneros do livro. Qual seu número eu apenas assisti ao filme e me diverti muuito.
    Beijão

    ResponderExcluir
  3. Desses só li QUAL SEU NUMERO. Não faz muito o meu estilo, mas foi engraçadinho. De todos da tua lista eu leria o primeiro, pareceu interessante. São leituras bem leves. (Adoro trocar livros, mas faço no skoob) hehehe

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  4. Desses só li QUAL SEU NUMERO. Não faz muito o meu estilo, mas foi engraçadinho. De todos da tua lista eu leria o primeiro, pareceu interessante. São leituras bem leves. (Adoro trocar livros, mas faço no skoob) hehehe

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  5. Oi Neyla,
    adorei todos que citou menos Férias.Um amor de detetive é mtooo fofo, mas colocaria Perdida neste meio também rsrsrs

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Neyla.

    Eu li poucos chick - lits até o momento, mas gostei bastante deles, por causa das histórias leves e divertidas. Dos livros citados eu não tenho nenhum deles. Apenas o Melancia que é da mesma autora do Férias. Eu assisti o filme do Qual é seu numero e tenho vontade de adquirir o livro.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. dizem por ai tenho na estante mas ainda não li, eu adoro os segredos de Emma Corrigan!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi tudo bem? Dos livros que você citou eu já li Férias, foi o segundo da autora que li, eu gostei da escrita. Qual o seu número só assisti ao filme e curti, eu sempre vejo. Não é o melhor filme, mas é gostosinho pra passar o tempo. Bridget Jones eu só li o primeiro, mas faz um bom tempo. Dizem por aí é um livro que já vi comentários a respeito. Eu adoro o gênero. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Ooi, tudo bem?
    Dos livros que você citou eu só li Férias, e eu acho que nunca imaginaria aquela história como um chicklit. Mas enfim, amo esse livro e achei a história maravilhosa mesmo não sendo leitora do gênero. Ainda quero ler outras obras mas dificilmente acho algumas que me chamam atenção só pela sinopse e tal.
    Achei legal as dicas dos seus favs. Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  10. Leio pouco chick-lits, rsrs mas gostei das sugestões. E quero ler Qual é o seu número pq vi o filme e adorei!!
    bjoo e sucesso

    ResponderExcluir
  11. Olá Neyla, tudo bem?

    Não conhecia essa Tag e achei bem legal, o que parece ser mais engraçado deles é Um amor de detetive, gostaria de ler.

    Beijos.


    http://deslumbreacessorios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá!!! Nessa lista tem um que eu adoro!!! Qual seu Número? é divo!!
    Dizem Por Aí também é bem fofo!

    Lista linda ♥

    Bjkssss

    Lelê

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Um amor de detetive está na minha lista de leitura, pois li uma resenha e me encantei pela história! Qual seu número e Dizem por aí estão à minha espera na estante e espero gostar deles o mesmo tanto que você. Amo Bridget Jones e li os dois primeiros livros dela, sendo este o meu favorito também! Agora estou com o "Louca pelo garoto", mas cadê o tempo de ler? A única leitura que fiquei meio receosa foi "Férias", pois li "Melancia" da mesma autora e não gostei.
    Desejo-lhe ótimas leituras!

    Beijos!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Só li da lista Qual seu número? e me diverti muito com a leitura. Achei muito bom! Gosto do gênero, mas não leio tantos livros quanto gostaria. :( Queria, por exemplo, ler os livros da Bridget *-*
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  15. Do gênero até hoje só li Fiquei com seu Número da Sophie e foi um livro sensacional. Desses da lista o Qual seu Número parece ser bem legal e com certeza anotei aqui. Amei a lista *-*

    ResponderExcluir
  16. Ainda não li nenhum dessa lista, mas chick-lit é aquela parte AMOR da nossa estante que a gente é fangirl com orgulho hahhaha

    www.literaturaliteral.wix.com/litblog

    ResponderExcluir