quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

O Livro de Memórias

Sammie sempre teve um plano: se formar no ensino médio como a melhor aluna da classe e sair da cidade pequena onde mora o mais rápido possível. E nada vai ficar em seu caminho — nem mesmo uma rara doença genética que aos poucos vai apagar sua memória e acabar com sua saúde física. Ela só precisa de um novo plano. É assim que Sammie começa a escrever o livro de memórias: anotações para ela mesma poder ler no futuro e jamais esquecer. Ali, a garota registra cada detalhe de seu primeiro encontro perfeito com Stuart, um jovem escritor por quem sempre foi apaixonada, e admite o quanto sente falta de Cooper, seu melhor amigo de infância de quem acabou se afastando. Porém, mesmo com esse registro diário, manter suas lembranças e conquistar seus sonhos pode ser mais difícil do que ela esperava.
Título: O Livro de Memórias
Autor (a): Lara Avery
Editora: Seguinte
Número de páginas: 392


Eu já sabia que essa não seria uma leitura fácil e que não encontraria aqui um final feliz. Não, isso não é um spoiller, afinal se você leu a sinopse já sabe o que vai encontrar aqui. Estava preparada pra sofrer, pra chorar, pra ficar deprê. Mas, acredite meu caro leitor, mesmo estando ciente de tudo que poderia acontecer, eu não esperava que essa história fosse tocar tão fundo minha alma.
Sammie é uma garota que tem todo o seu futuro já trilhado. Seu sonho é entrar para a NYU e, com as boas notas que possui, certamente essa conquista virá em breve. Além disso, ela irá para a competição de debates junto com sua amiga e ao final do ano letivo, será a oradora da turma. Ela teria um futuro brilhante, a não ser por uma doença rara e grave que faz parte de sua vida desde muito novinha. Sammie tem NP-C (Niemann-Pick), uma doença que afetará sua memória e, por consequência, todo o funcionamento de seu corpo. E isso não é algo que ela só sentirá após a idade adulta, pelo contrário. Pessoas com essa doença não possuem uma vida longa, portanto todos os planos que ela tem para seu futuro podem sim ser arruinados por conta disso.
Veja bem, nossa mocinha não é do tipo que se entrega. Ela tem planos, sabe o que quer e tem suas metas traçadas. E não vai ser doença nenhuma que a impedirá de concretizar tudo que deseja. Contudo, ela se vê perdida quando, em meio a algo tão importante, ela simplesmente tem "um branco" e não se lembra onde está e o que está fazendo. É o primeiro sintoma da doença mostrando que por mais força de vontade que ela tenha, tem coisas que são inevitáveis de acontecer.
Por conta da NP-C, ela decide começar a escrever um livro de lembranças, onde anota tudo aquilo que possa ser importante para a Sammie do futuro se lembrar. E é por meio de suas lembranças que vamos conhecendo sua história, seus anseios e medo, a perda e a descoberta de novas amizades. É através de seus escritos que vemos mais a fundo o que se passa com ela, conhecemos melhor Stuart, um jovem escritor que sempre foi sua grande paixão, e Coopper, vizinho e antigo amigo, que reaparece em sua vida e acaba se tornando alguém essencial em sua vida.
Acompanhar a história de Sammie foi algo que me marcou intensamente. Eu já sabia o que esperar, tinha em mente que a trama era emocionante e que as lágrimas rolariam. O que me surpreendeu foi a leveza do texto, a forma simples como todo o drama da protagonista é exposto e como a autora consegue nos levar para o dia-a-dia dela sem nenhum tipo de esforço. É muito fácil se transportar para a história, viver cada novo dia junto com Sammie, sorrir e chorar com (e por) ela. O fato dele ser narrado em primeira pessoa deixa a trama muito mais profunda e emoções realmente não faltam. Contudo, ele também mostra o cotidiano dela, seu relacionamento com Stuart e a família, as descobertas e fatos divertidos. Ela não é uma protagonista que fica se lamuriando e o leitor acaba se sentindo cativado pela forma de agir e pensar dessa garota de aparência frágil, mas que tem força de sobra pra enfrentar o que vier.
O Livro de Memórias me tocou de uma forma que é até difícil expressar em palavras. É uma história que nos faz refletir sobre diversas coisas principalmente sobre aquela velha frase que diz "aproveite o agora". São tantas coisas que deixamos de fazer ou valorizar, que deixamos para depois sem nem ao menos pensar se o depois realmente irá existir. Terminei a leitura com mil pensamentos fervilhando em minha mente e, para mim, quando um livro me leva a repensar tanto minha vida e a forma como encaro os fatos, é porque ele realmente valeu a pena e cumpriu lindamente o seu propósito. Ele fala sobre sonhos e de nunca desistir deles, mesmo que as vezes eles se mostrem ser impossíveis de realizar.
Não sei dizer de quais personagens mais gostei, afinal eles são tão diferentes entre si e tão encantadores. Sammie é um caso a parte, ela conseguiu mexer comigo por demais da conta e ganhou, com toda certeza, um lugarzinho naquela listinha marota de personagens preferidos. Ela exala força e determinação, foi maravilhoso conhecê-la e acompanhar sua jornada. Outro por quem caí de amores foi Cooper, que chegou de mansinho, mostrando ser só mais um garoto cheio de problemas e que nada acrescentaria à trama, mas se tornou parte essencial dela. A lealdade dele para com Sammie é algo inspirador, poucas são as pessoas que agiriam da forma como ele agiu.
Cada lição aprendida e toda a reflexão que ele me trouxe, irei levar para sempre em minha caminhada. O Livro de Memórias é uma daquelas histórias feitas sob medida para aquecer a alma e encantar os coração mais sensíveis. Sem sombra de dúvidas, um livro para ser guardado na memória. <3

4 comentários:

  1. Faz tempo que não leio um YA. Essa sinopse ao mesmo tempo que me chama a atenção, me deixa com o pé atrás. Não tive experiências muito boas ultimamente e as expectativas eram as mesmas hahaha. Sua resenha me deixou muito intrigada, acho que vou acabar dando uma chance um dia :)


    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  2. Quero muito ler logo!!
    Ainda mais depois de toda essa emoção que você acha que não soube expressar, mas que eu senti aqui!

    Bjkssssss

    ResponderExcluir
  3. Olá Neyla,


    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui, logo de cara ao ler a sinopse gostei da premissa e com a sua excelente resenha com certeza vai para a minha listinha de desejados....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Legal mesmo! Mais um post super interessante! Realmente acredito que as pessoas sabem o que querem na vida e todas conhecem o seu potencial! Traçar objetivos na vida e não deixar de lado o Foco! Esse mundo da internet é gigante e ver você aqui lutando pelo seu espaço nesse mundo gigantesco cheio de competição e marketing é muito inspirador para muitas pessoas! Feliz 2017! Qual é seu objetivo para 2017? Já tem um post falando disso?

    ResponderExcluir