quarta-feira, 31 de maio de 2017

Top 5: Nacionais parte 2

Oi pessoal!
Há um tempinho eu falei aqui no blog sobre os meus livros nacionais preferidos. Hoje, volto com a parte dois sesse post e venho mostrar mais alguns dos meus queridinhos do coração. Vamos conferir?

1- O Amor nos Tempos do Ouro
Esse livro já apareceu aqui numa indicação de romances de época, mas o que é bom tem que ser divulgado e cá está ele novamente mostrando sua capinha linda nesse blog. Eu sou completamente apaixonada pelos livros da Marina e com essa história ela mostrou todo o seu amadurecimento como autora e me levou ao êxtase com uma história ricamente construída e repleta de emoções.
Aqui conhecemos uma doce mocinha que, após o falecimento dos pais, é trazida para o Brasil para casar-se com um homem perverso e ardiloso. Contudo, durante a viagem até a fazenda, ela acaba se apaixonando pelo seu capataz e ambos farão de tudo para viver esse amor. A história se passa na época da escravidão e esse foi um dos motivos de eu ter amado o que encontrei.
Foi uma leitura intensa e que me levou a vários questionamentos. Sorri, chorei, passei um pouco de raiva com alguns fatos e, no final, meu coração estava em festa por ter lido algo tão grandioso. Sem dúvida, Marina é uma das melhores autoras nacionais da atualidade. Se você ainda não conhece, precisa mudar isso.
2- Colega de Quarto
Quando esse livro foi lançado foi um verdadeiro burburinho em cima dele. Fiquei doida pra ler, afinal eu sou fã de thrillers e tinha certeza de que iria gostar. E não deu outra! Comecei a ler e já de cara me apaixonei pela escrita do Bonini.
Nesse livro vamos acompanhar a investigação de um caso que, de imediato parece ser muito simples, mas que logo se percebe que é muito mais do que se imagina. Um pouco antes de morrer, Eric vai procurar um detetive particular. Ele acha que tem alguém, além dele, morando na sua casa. Há algum tempo ele vem notando a aparição de alguns objetos que não são seus, barulhos estranhos vindo da cozinha, mas ninguém acredita nos seus relatos. Até mesmo o detetive, por mais que tenha ficado intrigado com a história, não lhe dá o devido crédito. Contudo, as coisas mudam quando ele recebe a notícia de que o rapaz caiu da janela do seu apartamento e morreu. Começa então uma intensa investigação para descobrir o que aconteceu e se existia mesmo um colega de quarto.
Bonini conseguiu reunir em seu livros de estréia diversas características que me remeteram às tramas tão bem elaboradas de Agatha Christie. Recomendo demais, thriller de qualidade!
3- Sonata em Punk Rock
Li esse livro ano passado por causa do clube do livro, mas confesso a vocês que minha curiosidade era quase nula em relação a história. Já conhecia a Babi, que é uma fofa e super atenciosa, mas nunca havia lido nenhum de seus livros. Iniciei a leitura sem esperar muita coisa, mas logo me vi fisgada pela atmosfera deliciosa construída por ela.
Aqui vamos conhecer Tim, uma musicista de mão cheia, que sonha em ter sua própria banda de rock. Ela nunca fez aulas de música, tudo que sabe aprendeu sozinha. Seu sonho é viver de música e, após ser aceita na Academia Margareth Vilela, o conservatório de música mais famoso do país, ela tem a chance de seguir uma nova vida na conhecida Cidade da Música, o lugar capaz de realizar todos os seus sonhos. E é lá que ela conhece Kim, a estrelinha local, um cara aparentemente egocêntrico e arredio, que vai mexer com a cabeça e o coração de Tim.
Que escrita boa, que história empolgante e quanta música maravilhosa embutida na trama. Eu simplesmente devorei o livro, me encantando com o que encontrava e me rendendo ao talento, incontestável, de Babi. Foi o primeiro livro dela que li e depois dessa experiência super positiva, com certeza lerei os outros.
4- Do Seu Lado
Quando bati o olho nesse livro achei que se tratasse de um drama. Olha essa capa, me diz se ele tem cara de chick-lit? Pois é, mas é um chick-lit dos bons, que me arrancou gargalhadas do início ao fim.
Neste livro conhecemos Sarah, uma garota super pra cima, que está recuperada do término do namoro. Ok, eu não diria que ela se recuperou por completo, afinal quem em seu juízo perfeito está bem e fica pensando em mil formas de reencontrar o ex e mostrar a ele que sua vida está mais perfeita do que nunca? Pra mim, só alguém que ainda sente algo e está naquele famoso estágio de negação. E esse reencontro vai acontecer. E pior: ela vai descobrir que ele é um dos novos clientes da empresa que trabalha e vai precisar de muito auto controle pra não cair em tentação.
Não estava esperando muita coisa do livro e ele acabou sendo uma surpresa maravilhosa. Me diverti muito, torci pela Sarah (que é uma fofa) e me deliciei com a escrita da Fernanda, que é leve e bem humorada. Infelizmente foi um livro que teve pouca divulgação e muita gente não conhece. Mas fica aqui a minha dica: leia! Certeza que não vai se arrepender.
5- A Bandeja
Quem acompanha o blog com alguma frequência, sabe que eu morro de amores pela Lycia Barros e suas histórias sempre tão edificantes. A Bandeja é um dos meus livros preferidos dela, que me tocou demais no decorrer da leitura.
Conhecemos aqui Angelina, uma garota sonhadora que acabou de se mudar para o Rio de Janeiro para cursar a faculdade que sempre sonhou. E logo em seu primeiro dia ela conhece um cara maravilhoso, que lhe dá toda atenção e a deixa toda caidinha. Para sua surpresa, ele será um de seus professores. Os dois acabam se envolvendo e ela acaba indo de encontro a tudo que acredita para viver essa aventura.
A história vai além do romance e traz uma verdadeira lição de fé. Me emocionei em diversas partes e, muitas vezes, senti que aquelas palavras foram escritas para mim. Lycia tem o dom da escrita e eu me sinto energizada cada vez que leio alguma de suas histórias. A Bandeja é uma história cativante, que nos mostra a importância de nunca nos afastar daquilo que realmente acreditamos e nos faz bem.
Agora é a sua vez de contar pra gente quais os seus nacionais preferidos.
Um beijo

3 comentários:

  1. bom, essa capa de o amor nos tempos de ouro eh MARAVILHOSA, mds que preciosidade, a historia parece ser boa, mas eu nao me interessei o suficiente a ponto de ler ele..
    tb li sonata e punk e rock e do seu lado, concordo c tudo ai viu, bom dmsss esses!

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. eu adoro do seu lado, saudade de reler, mas da seleção estou super curiosa para ler o amor nos tempos de ouro, estou bem curiosa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Marina nessa lista é muito amor <3
    Tenho esse A Bandeja mas ainda não li!

    ResponderExcluir