quinta-feira, 6 de julho de 2017

A Entrevista

Sete entrevistadores irresistíveis. Quem a escolherá ao final da semana? Quem será o escolhido por ela?
Linda, inteligentíssima e extremamente sensual, Tess Canyon é uma jovem determinada a se vingar de um dos maiores grupos dos EUA, as Empresas Diamond. Seu pai, um alto executivo, foi acusado de desviar fundos da empresa para gastar com uma suposta amante e teve sua carreira destruída. E isso o levou à morte...
A oportunidade de candidatar-se à vaga de Assistente Executiva do poderoso Mr. King parece ser a maneira ideal de infiltrar-se na empresa para limpar o nome de seu falecido pai.
Mas o processo seletivo não é o que ela espera. Chegando à sede da empresa, ela é escoltada até um helicóptero e, com os olhos vendados, é levada para um local secreto. Lá, Tess conhece Mr. King e descobre que a vaga na verdade é para o novo CEO das Empresas Diamond. Seu desafio será passar por sete testes durante uma semana.
Tess será avaliada por sete misteriosos executivos — deliciosamente bonitos —, um para a tarefa de cada dia. Agora ela precisará usar toda a sua habilidade e competência se quiser ter sucesso e resistir ao magnetismo poderoso dos homens irresistíveis enviados para ajudá-la — ou distraí-la. Em um desafio que poderá levá-la ao topo, ou arruiná-la para sempre. Bem-vinda à entrevista mais sexy que você poderia imaginar!
Título: A Entrevista
Autor (a): Shana Gray
Editora: Gutenberg
Número de páginas: 272


Vocês devem estar muito acostumados me vendo falar de livros que gostei por aqui. As vezes, a impressão que fica, é que eu gosto de todos os livros e as coisas não são bem assim. Como esse é um espaço onde divido minhas leituras e dou dicas de livros bacanas, busco sempre falar daqueles que, de uma forma ou de outra, me conquistaram. Mas dessa vez vai ser um pouco diferente porque vou falar de um livro que, pra mim, não foi tão bom assim.
Em A Entrevista vamos conhecer Tess Canyon, nossa mocinha determinada e muito competente que se candidatou a vaga de secretária executiva do poderoso Sr. King, dono das empresas Diamonds. Contudo, seu desejo não é ser uma funcionária exemplar e sim colocar em prática seu plano de vingança. Há alguns anos, seu pai foi acusado injustamente de desvio de dinheiro e, com isso, demitido. Ele sempre deu o sangue pela empresa e, a dor e amargura que carregou consigo depois disso foi tão grande, que acabou afetando a família. Após seu falecimento, Tess jurou destruir a Diamond e o Sr. King, e essa é a oportunidade que ela tanto esperava.
Para ser admitida nesse cargo ela precisará passar por 7 testes, administrados por 7 homens diferentes. Logo no primeiro dia ela conhece o Mr. Monday, um bonitão, sexy e atraente, que vai mexer com os seus hormônios. Contudo, ele não será o único a deixar essa moça com o corpo em brasa. Cada um dos homens escolhidos para orientá-la durante esses 7 dias são belos pedaços de mal caminho que irão, de alguma forma, desestabilizá-la. Será que, após esses testes, ela ainda levará adiante essa enorme sede de vingança?
Veja bem, eu não estava disposta a ler esse livro quando o vi pela primeira vez. Apesar de ter achado a premissa interessante, tinha algo já me dizendo que talvez eu não fosse curtir tanto a leitura. Mas, como ele foi tema de um Clube do Livro do Grupo Autêntica (e eu acabei ganhando-o em um sorteio), me aventurei. Já nas primeiras páginas peguei uma birra com Tess e devo salientar que isso durou até o final do livro. Estava esperando uma personagem mais carismática, mas encontrei uma mulher fria e apática.
Que ela é determinada, isso não podemos negar. E tanto sua inteligência quanto a competência são, em alguns momentos, invejáveis. Mas nem isso conseguiu fazer com que ela ganhasse uma estrelinha na minha pontuação final. Achei-a imatura e, em determinadas partes, extremamente infantil. A vingança, que era tudo que ela mais desejada, acabou ficando em segundo plano a cada nova inserção de um bonitão na trama. Todo o foco que ela aparentou ter no início da trama foi dissolvido pela atração que ela sentiu por cada um dos Mr. Fiquei visivelmente incomodada!
E já que estamos falando dessa tão sonhada vingança, preciso dizer que a autora se perdeu no meio da trama. Em certas partes eu nem mesmo chegava a me lembrar que Tess queria se vingar, que queria destruir a Diamond, que todos ali eram seus inimigos. As coisas desandaram para o lado do romance e de Tess com suas sensações, e eu fiquei me sentindo enganada. Estava esperando algo meio Revenge, mas não encontrei nem a sombra disso. Não é uma história mal escrita, mas eu diria que é mal elaborada. No meu ponto de vista houve um desvio na trama quando a autora colocou um romance nele, talvez uma tentativa de deixar o clima menos pesado, vai saber, e com isso o foco da história foi para o alto.
As cenas mais quentes existem e, são bem escritas. Os personagens possuem uma química boa e talvez esse seja o único ponto que eu não critique aqui. Apesar de ambos serem despidos de carisma, eles funcionam bem juntos e dá pra sentir a força da atração que os cerca. Pra quem está esperando um romance erótico, essa é a hora em que eu jogo um belo balde de água fria nas suas expectativas. Apesar de ter cenas hots, eu não o classificaria como erótico e sim como sensual.
O final é um clichezão, que me remeteu a época em que eu era uma ávida leitora de romances de banca (e que fique claro que sou uma eterna apaixonada por eles). Senti falta de um pouco mais de naturalidade, de uma pitada de vida real no meio de todo aquele conto de fadas. Sabe final de novela? Me senti vendo um enquanto lia. E, como nunca gostei dessas coisas mais irreais, nem preciso dizer que ele me desagradou.
Definitivamente, A Entrevista não foi um livro que funcionou pra mim. Faltou mais história e carisma dos personagens, pontos que considero essenciais para que eu me sinta cativada. Apesar de não ter curtido, vi que algumas pessoas gostaram, o que prova mais uma vez aquela máxima que diz: cada livro funciona de uma forma para pessoas diferentes. Pra saber se você vai gostar ou não, só lendo pra saber.

Nenhum comentário:

Postar um comentário