segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Os Impostores - A Garota do Cemitério #1

Ela adotou o nome Calexa Rose Dunhill, inspirada numa lápide do sombrio ambiente em que acordou, ferida e apavorada, sem qualquer lembrança de sua identidade, de quem a jogou lá para morrer ou mesmo do porquê.
Fez do cemitério o seu lar, vivendo escondida numa cripta. Mas Calexa não pode se esconder dos mortos – e, quando descobre que possui a estranha capacidade de ver as almas se desprenderem de seus corpos...
Então, certa noite, Calexa presencia um grupo de jovens praticando uma sinistra magia. Horrorizada, testemunha o ato insano que eles cometem. Quando o espírito da vítima abandona o corpo, ele entra em Calexa, atormentando sua mente com visões e lembranças que parecem não ser dela.
Agora, Calexa deve tomar uma decisão: continuar escondida para se proteger – afinal, alguém acredita que ela está morta – ou sair das sombras para trazer justiça ao angustiado espírito que foi até ela em busca de ajuda
Título: Os Impostores
Série: A Garota do Cemitério #1
Autor (a): Charlaine Harris/ Christopher Golden/ Don Kramer
Editora: Valentina
Número de páginas: 128


Minhas primeiras experiências com leitura foram através das HQ's. Antes de aprender a ler eu já gostava de ler (dá pra entender isso) e quando minha mãe lia para mim, um novo mundo se abria em meus horizontes. Acredito que o primeiro contato de jovens leitores sempre se dão por meio de quadrinhos e, infelizmente, com o tempo esse apreço por eles acaba desaparecendo. Comigo foi diferente já que o amor foi se intensificando cada vez mais e todos os meses eu leio pelo menos umas duas HQ's pra satisfazer esse vício. Portanto, quando vi o primeiro volume dessa história disponível para solicitação, nem pensei: solicitei de coração aberto e com a certeza de que iria adorar.
Quando Calexa acordou em um cemitério, ela nem ao menos se lembrava de seu próprio nome. A única coisa que sabia era que, quem a abandonara ali acreditava que ela fosse morrer, portanto manter-se escondida é o melhor que pode fazer. E quer esconderijo melhor que um cemitério? Ali, em meio aos mortos, ela faz sua morada e, é em uma lápide que ela se inspira para criar um nome: Calexa Rose Dunhill. Essa será sua nova identidade até que sua memória, finalmente, retorne.
A estadia no cemitério é tranquila e muitas vezes solitária. Com o tempo, ela começa a ter algumas visões das almas dos recém falecidos se desprendendo do corpo e partindo em direção a seu destino final. Mas as coisas acabam ganhando um terreno ainda mais sombrio quando ela presencia um grupo de jovens fazendo um pseudo ritual de magia. É visível a inexperiência de todos, inclusive da que está a frente do ritual, portanto não é surpresa para ninguém quando ele não funciona. Porém, eles retornam ao cemitério para tentar mais uma vez, dessa vez com um motivo que julgam ser justo.
Óbvio que as coisas acabam saindo do controle, dessa vez de forma grave, e termina com uma jovem sendo assassinada. De onde estava escondida, Calexa pode ver toda a movimentação e ela já esperava ver o espírito da garota se desprendendo. O que ela não imaginava era que esse espírito, em vez de partir para o seu destino final, acaba entrando em seu corpo. Sua mente é então tomada por memórias que não são suas e ela se vê obrigada a ajudar essa moça a fazer justiça. Mesmo que, para isso, ela tenha que sair do seu esconderijo e correr o risco de ser encontrada por aqueles que a querem morta.
Eu adorei essa HQ! A história já começou me instigando por conta do tom de mistério que está embutido nas cenas iniciais. O porquê de Calexa ter sido deixada para morrer naquele cemitério, qual sua verdadeira identidade e quem está por trás de sua quase morte, foram os principais elementos que me deixaram curiosa com a leitura. E antes que você venha me perguntar, não é nesse volume que teremos as respostas para esses questionamentos, mas espero que eles não tardem a aparecer porque estou curiosíssima.
Calexa foi uma personagem que me intrigou do início ao fim. É difícil falar sobre ela ou defini-la já que é uma personagem muito complexa e passa pelo drama de não saber nada sobre si. Não posso dizer que ela me cativou, mas com certeza me deixou curiosa. Tenho algumas teorias a seu respeito, algumas são bem loucas, mas não posso dividir com vocês... ainda.
Fiquei apaixonada pelas ilustrações. principalmente por conta da riqueza dos detalhes e do traço marcante. Se tem algo que me chama a atenção em HQ's é a capacidade do artista colocar em seus desenhos expressões vívidas, que faça com que o leitor consiga ser capaz de sentir a vida fluindo daquelas páginas. E eu consegui sentir isso.
Gostei muito do que encontrei e esse primeiro volume já virou queridinho da estante. A ambientação mais sombria, a personagem misteriosa, a trama repleta de ação e suspense, fizeram com que a leitura se tornasse ainda mais agradável. Além do mais, é visível todo cuidado da editora com esse primeiro volume e preciso dizer que fizeram um trabalho maravilhoso. A edição ficou linda e valeu a pena todo o investimento! Estou ansiosa pelo segundo volume e espero que não demore a ser lançado.
Se você, assim como eu, também é fã de HQ's, não pode deixar de ler Os Impostores - A Garota do Cemitério. E, se ainda não leu nenhuma e deseja começar, já tem uma bela dica aqui. Tenho certeza que não irá se arrepender.


9 comentários:

  1. Oie, preciso dessa HQ sabe que já li umas três resenhas . A Garoto do Cemitério é interessante e tendo a Charlaine como escritora dela, é bem a carinha da autora essa história sombria com mortos ehehehe
    Quero ter a oportunidade de ler viu!

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Eu não tenho muitas experiências com HQs e nada contra!
    E a história de Galexa muito me atraiu, adoro um mistério sombrio e sua resenha está por demais instigante.
    E eu gosto muito da autora depois que li Academia de Vampiros li outros livros dela como Visão do Além (não tão bom) mas gosto como ela desenvolve as histórias.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Neyla, tudo bem?
    Eu já tinha visto essa HQ algumas vezes, mas não sabia do que se tratava. Eu amo o universo dos quadrinhos e não vou deixar essa dica passar em branco, pode ter certeza!
    Morar no cemitério não deve ser algo agradável e ser tomada por lembranças de uma menina que foi assassinada é algo realmente difícil de lidar. Fiquei curiosa para saber sobre o passado da protagonista e como ela se vira pra se manter viva após sair do cemitério.
    Dica anotada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá, eu atualmente não tenho lido muitas HQs (também amava elas na infância, mesmo antes de saber ler), mas estou com vontade de ler essa desde o lançamento. Super curiosa para conhecer mais da história da Calexa.

    ResponderExcluir
  5. Oi Neyla, também não abandonei meu amor pelos HQ, e hoje em dia temos uma variedade imensa neste quesito. Este eu já conhecia, mas não li ainda. Com certeza o fato dela ater sido largada em um cemitério já deixa qualquer um curioso.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    As HQs foram as minhas introduções ao mundo mágico da leitura e confesso que também nunca as abandonei. Não conhecia autora e fiquei curiosa com a trama meio sombria. Se tiver a oportunidade certamente realizarei a leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Já tinha visto esse livro por ai, mas não me interessei, pois meu primeiro contato com a autora não foi muito agradável. Mas não tinha ideia que era uma HQ.
    Adorei a resenha. Quem sabe não dê mais uma chance.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Não sou muito fã de HQs, mas adorei o traço e a premissa dessa! Mas não leria por enquanto, pelo menos não até publicarem o restante por aqui... Trauma de séries deixadas por metade pelas editoras, fico muito agoniada quando não tenho respostas... Rs...

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Vou te confessar que não sou muito de ler HQs. Eu até tento, mas sempre enrolo para ler. Já vi algumas resenhas sobre essa e todas foram positivas, mas além de ser um estilo que eu não curto muito a premissa não despertou meu interesse.
    Apesar do traço parecer ser realmente muito lindo, dessa vez vou passar a dica. Mas adorei conferir sua resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir