quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Garota Tempestade


Mesmo tendo passado a vida inteira na pequena e conservadora cidade de Rockabill, Jane True, 26 anos, sempre soube que não se encaixava numa sociedade pretensamente normal.
Durante um de seus clandestinos nados noturnos no mar congelante, desafiando um perigosíssimo redemoinho, uma descoberta terrível leva Jane a revelações surpreendentes sobre sua herança genética: ela é apenas meio-humana.
Agora, Jane precisa penetrar um mundo de mitos e lendas, povoado por criaturas sobrenaturais, aterrorizantes, belas e até mortais. Características que também descrevem perfeitamente Ryu, seu novo “amigo” -- um vampiro poderoso, deslumbrante e hummm, aiii... muuuito SEXY.
Nesse mundo, onde há um goblin advogado, um espírito de árvore maquiador, um súcubo dona de boutique, elfos diabólicos, homens inflamáveis, seres híbridos que se transformam em animais selvagens, nada é presumível. Que dirá um romance ao molho pardo. Mas atenção, nunca, nunca mesmo, esfregue a lâmpada do gênio.
Entretanto, alguém está matando meio-humanos como Jane. A pergunta que não quer calar é: os assassinatos são fruto de uma mente doentia ou há um plano macabro para exterminá-los?
Se você é fã de Sookie Stackhouse, meio-humanos, vampiros sedutores e criaturas sobrenaturais, então se prepare para mergulhar de cabeça nessa deliciosa série de urban fantasy.
Título: Garota Tempestade
Série: O Estranho Mundo de Jane True #1
Autor (a): Nicole Peeler
Editora: Valentina
Número de páginas: 280



E olha eu aqui, quebrando a hegemonia dos romances de época, pra falar de um livro que passa bem longe desse gênero. Garota tempestade é aquele tipo de livro que engana por conta da capa. Muita gente pensa que é algo infantil ou infanto juvenil e acaba perdendo a oportunidade de se deliciar com uma história sobrenaturalmente quente. Ficou curioso? Então vamos conhecer um pouco mais a respeito do livro.
Jane True é uma moça tem uma vida um tanto quanto peculiar. Ainda criança foi abandonada pela mãe, uma mulher diferente que nunca se encaixou nos padrões da cidadezinha de Rockabill, e depois de adulta acabou se envolvendo em um situação muito delicada que acabou transformando sua vida para pior. Para a maioria dos moradores da cidade ela é uma párea da sociedade, alguém que merece apenas o desprezo. Pios é, meus amigos, a vida dessa mocinha não é nada fácil. E, imaginem só, se eles soubessem que ela dorme muito pouco a noite e que tem o hábito de nadar para recuperar as energias mesmo que as temperaturas estejam muito baixas, afinal não sente frio. Jane sabe que existe algo de muito diferente nela, mas não faz ideia do que seja.
Até que um dia, em meio a uma de suas muitas fugas para a enseada, ela se depara com um corpo boiando nas águas. A pessoa em questão vivia há pouco tempo em Rockabill e era um tanto quanto solitário. Poderia ser um caso de assassinato "comum" se Jane não fosse encurralada por um pequeno grupo de seres sobrenaturais que acabam lhe revelando um pequeno segredo: ela é uma meio humana e forças estranhas andam rondando a cidade onde vive.
Como você se sentiria recebendo uma notícia fatídica como essa? Ficaria desconfiada, achando que tudo não passa de um sonho/delírio seu? Pois bem, Jane ficou dessa mesmíssima forma. Ela sempre soube que era diferente, mas meio humana? Isso também já é um pouco demais. Porém, para dar mais credibilidade a história que lhe foi contada, ela conhece Ryu, um investigador extremamente sexy e bonitão, que é, adivinhem só, um vampiro! A atração entre ambos é imediata e, em meio ao romance quente, novas mortes e investigações, Jane vai descobrir sua verdadeira essência.
Que leitura deliciosa, minha gente! Garota Tempestade é aquele tipo de livro que você não sabe bem o que esperar, mas que acaba sendo fisgado pelo enredo bem humorado e misterioso criado por Nicole Peeler. Apesar de ser o primeiro livro de uma série e, portanto, ser bem explicativo, em nenhum momento a leitura se tornou arrastada ou maçante. Achei que a autora soube mesclar bem as explicações e os períodos de mais ação, deixando tudo muito bem balanceado. E antes que você me pergunte, as explicações dadas ao longo do livro, sobre as raças e alguns fatos passados, são de extrema importância para que a gente venha a assimilar determinados pontos futuramente.
Jane é um protagonista sensacional. Dona de um carisma enorme, ela é autêntica e muito divertida. Até mesmo quando está se vitimizando ela consegue soar engraçada. Ela possui uma história difícil, é julgada por todos e, no passado, passou por uma situação muito difícil que a levou ao fundo do poço. ser Jane True em Rockabill não é uma tarefa fácil, afinal tudo o que ela faz incomoda as pessoas e os olhares de repulsa e cheios de julgamento a perseguem em todos os lugares. É somente quando Ryu entra em sua vida que Jane passa a ter um vislumbre de felicidade em sua vida.
E já que tocamos no mesmo do nosso investigador vampiro charmosão, preciso dizer que ele é extremamente sedutor. Não tem como não ficar imune ao carisma do rapaz, ainda mais porque ele é muito bem humorado e tem um instinto protetor muito forte, mas sem ser possessivo. Achei que a inclusão dele na trama fez toda a diferença e sua sagacidade é admirável (não é a toa que ele está investigando casos de assassinato, não é verdade?). Existe uma química quase explosiva entre ele e Jane e isso fica cada vez mais perceptível no desenrolar da trama. 
Eu gostei muito de Garota tempestade. A leitura foi rápida e a cada novo capítulo eu ficava curiosa pra saber o que iria acontecer. Achei os personagens principais bem construídos e com personalidades bem distintas. Gostaria de fazer um adendo a respeito dos personagens secundários, principalmente Anyan. Ryu pode até ter ganhado o coração de Jane, mas não conquistou o meu porque desde que Anyan entrou em cena eu já sabia que ele seria o crush maior do livro. Existe todo um mistério rondando ele e eu estou em cólicas de curiosidade porque acho que vai rolar um triângulo amoroso mais pra frente.
E agora vem a parte chata: o restante da série não foi lançado aqui no Brasil. O que é uma pena porque esse é um daqueles livros sobrenaturais que vale realmente a pena ler. Apesar de ter aquele velho clichê dos romances (e não estou reclamando, deixo logo claro), ele inova ao trazer novas criaturas e ter todo aquele clima de mistério rondando os personagens. Vou ficar na torcida para que a editora traga os próximos livros, quero muito acompanhar as aventuras de Jane e seus amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário