segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

A Garota do Lago


ALGUNS LUGARES PARECEM BELOS DEMAIS PARA SEREM TOCADOS PELO HORROR...
Summit Lake, uma pequena cidade entre montanhas, é esse tipo de lugar, bucólico e com encantadoras casas dispostas à beira de um longo trecho de água intocada.
Duas semanas atrás, a estudante de direito Becca Eckersley foi brutalmente assassinada em uma dessas casas. Filha de um poderoso advogado, Becca estava no auge de sua vida. Atraída instintivamente pela notícia, a repórter Kelsey Castle vai até a cidade para investigar o caso.
E LOGO SE ESTABELECE UMA CONEXÃO ÍNTIMA QUANDO UM VIVO CAMINHA NAS MESMAS PEGADAS DOS MORTOS...
E enquanto descobre sobre as amizades de Becca, sua vida amorosa e os segredos que ela guardava, a repórter fica cada vez mais convencida de que a verdade sobre o que aconteceu com Becca pode ser a chave para superar as marcas sombrias de seu próprio passado...
Título: A Garota do Lago
Autor (a): Charles Donlea
Editora: Faro Editorial
Número de páginas: 296



E finalmente eu li um dos livros mais desejados de 2017. Se você lê o blog com alguma frequência sabe que os thrillers, assim como os romances de época, são minhas grandes paixões. Gosto de me sentir instigada, de investigar junto com os personagens e de ser surpreendida. Pois bem, depois de ler um outro livro do Charlie Donlea, e de ter gostado muito, era óbvio que iria ficar ainda mais ansiosa para ler esse. E a oportunidade enfim chegou e se você ficou curioso pra saber o que achei, é só continuar lendo a resenha.
Quando a jornalista Kelsey Castle é escolhida para escrever um artigo a respeito do assassinato de Becca Eckersley, em uma cidadezinha chamada Summit Lake, ela nem imagina o que a aguarda. O caso da garota morta em casa, enquanto estudava, parece ser simples: um assalto seguido de morte. Contudo, ao chegar na cidade, Kelsey vai se deparar com uma história muito mais mirabolante do que a contada pelos jornais e pela polícia.
Becca era uma garota aparentemente tranquila, que estava cursando uma pós graduação em direito e era querida por todos.Seu pai é um famoso advogado e ela estava estudando para, de certa forma, seguir seus passos. Apesar de ser uma garota popular, não era de muitos amigos e andava sempre com o mesmo grupinho: Brad, Jack e Gail. Estavam sempre juntos, seja estudando ou relaxando, e nunca houve entre eles qualquer outro interesse que não fosse amizade. Becca também não possuía inimigos, o que faz com que a teoria de assalto seguido de morte ganhe ainda mais força.
Acontece minha gente, que Kelsey não está em Summit Lake à toa. Embora tenha ficado afastada de seus afazeres por algum tempo, devido a um trauma grande que enfrentou, Kelsey não perdeu seu faro jornalístico e basta conversar com algumas pessoas para perceber que há algo de errado nessa história toda. Ela sabe que a polícia está escondendo coisas importantes e está disposta a ir fundo no caso e descobrir o que realmente aconteceu a essa garota.
Você quer um thriller de tirar o fôlego, @? Então toma esse aqui! Gente do céu, que livro foi esse? Eu já esperava uma história boa, afinal de contas já conhecia o autor e sabia da sua capacidade de prender o leitor até a última página. E com esse livro não foi diferente! Não queria parar de ler, teci aquelas já tão faladas teorias da conspiração e no final me vi surpreendida.
Narrado em terceira pessoa, o livro apresenta capítulos intercalados entre presente, com Kelsey investigando, e passado, percorrendo os passos de Becca e descobrindo mais sobre ela, as pessoas que a cercavam e tentando encontrar possíveis motivos que tenham levado essa garota à morte. O livro mantém uma atmosfera de suspense do início ao fim e tem um ritmo constante.
Os personagens são ótimos também. Eu adorei Kelsey. A agilidade no pensamento, a sagacidade e a racionalidade foram o que mais me chamaram atenção de imediato. Não que eu esperasse algo contrário de uma jornalista muito conceituada, mas ela realmente me ganhou. De imediato fiquei temerosa, achei que por conta de seus problemas pessoais, sua fragilidade fosse ficar evidente e que acabasse se tornando aquelas personagens que nada acrescentam a trama. Mas ela foi incrível, trouxe mais dinamismo à trama e até mesmo um toque daquele humor mais sarcástico. Sem dúvida, a melhor personagem.
Com Becca as coisas foram um pouquinho mais mornas. Ela é sim uma garota adorável e por onde passa distribui simpatia. Não conseguia imaginar o porquê disso ter acontecido com ela e, conforme as páginas foram avançando, vi algumas das minhas teorias caírem por terra. Confesso que não esperava encontrar uma mocinha tão ingênua, acho que isso se deu pelo fato de, na maioria dos livros, as pessoas assassinadas sempre possuem um lado negro que acaba vindo a público quando o crime acontece.
Não é a primeira vez que me vi feita de trouxa por um autor, mas é a primeira vez que um autor deixa pistas durante a leitura que eu não fui capaz de interligar. Sim, eu fui enganada completamente e acho que isso é uma das melhores coisas que podem acontecer num thriller. A história só não ganhou nota máxima por um motivo: uma cena, que é mostrada duas vezes pela mesma ótica do narrador, só que com uma diferença gritante. Fiquei bem incomodada com isso, muito embora não seja algo que interfira na resolução final do mistério.
Foi uma leitura incrível, cercada de mistério e com um final que me deixou com a cara no chão. Ele segue uma linha investigativa muito interessante e é muito bem escrito. O autor consegue manter o suspense até o final, deixando para revelar quem matou, e sua motivação, nos últimos capítulos. Foi uma ótima leitura e me deixou com mais vontade ainda de ler outros livros do autor.
Quem gosta de um bom thriller não pode deixar de conhecer Charles Donlea e seus livros, com certeza vai se sentir fisgado tanto quanto eu.



8 comentários:

  1. Adorei esse livro.
    Com os capítulos alternando entre a perspectiva da investigação de Kelsey e o ano anterior a morte de Becca. Conforme os capítulos vão avançando, o leitor fica sem fôlego com as descobertas.

    “A garota do lago” é uma história bem desenvolvida, com personagens carismáticos e complexos e o lado investigativo foi maravilhosamente escrito. Cada nova pista fornecida é um passo para identificarmos o assassino, mas também faz com que o leitor conheça a mente tortuosa dele.

    Além das protagonistas, temos personagens que se destacam em sua breve participação, como Rae ou o grupo que fica debatendo o caso na cafeteria da cidade. São pequenas participações que enriquecem o enredo e destacam o cenário da pequena cidade.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Opa! Já curti sua resenha, adorei sua empolgação em falar sobre o livro e não dar spoilers. Deve ser um drama bem viciante, já quero ler o mais rápido possível. Estou naquela vibe de uma leitura com muita emoção, esse livro é o tiro certeiro.

    ResponderExcluir
  3. Oi Neyla, adoro quando não consigo pegar as dicas que os autores vão deixando ao longo da história, ainda mais em livros do gênero. Infelizmente ainda não li, mas já está na lista.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? Ainda não consegui ler esse livro, mas tenho curiosidade e pelo o que tu disse parece ser uma obra muito incrível. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu adoro livros com suspense e quando bem desenvolvidos nem sempre consigo acertar o desfecho. Já estou de olho nas obras desse autor e tenho visto ótimas críticas. Esse certamente vai me agradar a leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem Neyla? Eu li esse livro no ano passado e adorei, Charlie Donlea tem uma escrita envolvente, a trama é incrível, super recomendo A Garota do Lago para quem ainda não leu!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. Oie
    também gostei bastante da leitura, foi bem interessante e me deixou ansiosa em muitos momento, que legal saber que gostou e é uma ótima dica mesmo para quem curte thriller, parabéns pela resenha

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Todo mundo fala tão bem desse livro, da até um siricutico pra ler!

    ResponderExcluir